Grupo BO Paper faz parceria com o Pegaí

Mix

22 de maio de 2020 01:00

Da Redação


Relacionadas

Academia de Letras e Artes de PG promove festival online

Bacalhau Jurema: um prato dos deuses no paraíso termal

Orquestra Sinfônica do Paraná faz 35 anos e celebra de forma virtual

Paraná deve receber R$ 71 milhões para apoio à classe artística
Pop Cyber lança página especial de lives musicais
'Corpo ativo, velhice saudável', por Andreia Tokutake
Leia o texto de hoje do projeto ‘Crônicas dos Campos Gerais’
Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Grupo BO PAPER é o mais novo parceiro do Pegaí Leitura Grátis, contribuindo com a doação de papéis


Um projeto que tem como missão aproximar livros sem leitores de leitores sem livros e uma empresa que é a maior produtora de papéis com fibras termomecânicas de alto rendimento da América Latina. O resultado é a parceria entre o Pegaí Leitura Grátis e o Grupo BO PAPER, que agora é patrocinador de papel para impressão dos livros do projeto e que doou quase três toneladas neste mês de maio.

           O Grupo BO PAPER é fornecedor de outra parceira do Pegaí, a Huhtamaki do Brasil. Foi através de uma voluntária, colaboradora da Huhtamaki, que a empresa conheceu mais sobre o nosso trabalho. E como ações de responsabilidade social já fazem parte da cadeia de valor do negócio, eles perceberam uma bela oportunidade de ajudar com aquilo que eles já sabem fazer. “Por sermos produtores de papel, vimos uma grande oportunidade de parceria neste projeto de tamanho compromisso social, estendendo também nossos valores do uso de material de fonte sustentável, incentivando a cultura”, conta Andréia Kanashiro, Coordenadora de Desenvolvimento e Aplicação da BO PAPER.

           Para que essa doação chegasse até Ponta Grossa, foi necessária a atuação de outras empresas parceiras do Pegaí, que também contribuem com aquilo que já faz parte da rotina dos seus negócios. O transporte dos papéis, por exemplo, foi feito com o apoio da Expresso Princesa dos Campos Encomendas, que sempre contribui no transporte de livros e matérias primas.

Diretor de Encomendas da empresa, Marcelo Sobhie, destaca o propósito da ajuda. “Este é um projeto sem precedentes, não só pelos números alcançados como também pelas importantes parcerias que cria com empresas que entendem que a educação é o futuro do Brasil e do Mundo. Nós acreditamos no objetivo do Pegaí e sabemos que contribuímos para levar mais leitura, mais conhecimento e diversão a quem precisa”, afirma.

O primeiro livro que terá parte de suas impressões feitas com o papel vindo da doação é “O Pica-Pau Amarelo”, projeto já aprovado pelo PROMIFIC (Programa Municipal de Incentivo Fiscal à Cultura) em Ponta Grossa. Agora, com o apoio do Grupo BO PAPER, o Pegaí irá aumentar a tiragem prevista de 2.000 para 5.000 unidades, utilizando o mesmo recurso já aprovado anteriormente.

Quem também contribui e muito para que o Pegaí Leitura Grátis consiga disponibilizar mais livros em suas estantes, é a Gráfica iPrint. A gráfica é responsável pela impressão dos livros. O Diretor da iPrint, Ney Ribas Junior, ressalta que eles acreditam na iniciativa. “Nós ajudamos porque acreditamos no poder dos livros em influenciar, formar as pessoas e transformar o mundo. Estamos fazendo o nosso papel em ajudar a criar uma sociedade com opinião e discernimento”, conclui.

Assim, com o trabalho dos voluntários, o apoio de empresas que acreditam na causa e os recursos do PROMIFIC, os 5.000 livros serão impressos até o fim de junho. E, só com essa doação do Grupo BO PAPER, o Pegaí vai conseguir disponibilizar quase três toneladas de leitura. “É um prazer muito grande para nós participarmos de um projeto que incentiva a leitura, aproxima pessoas e sonhos e, de forma genuína, contribui para a grandiosidade que é a educação através dos livros”, conclui a Gerente de Recursos Humanos e Comunicação da BO PAPER, Viviane Gonçalves. 

PUBLICIDADE

Recomendados