Associação faz carta aberta pela reabertura dos museus da região

Mix

22 de outubro de 2020 18:08

Da Redação


Relacionadas

Crônicas dos Campos Gerais: “A penteadeira”

Traição é o tema de romance da escritora Liz Vecci

Cantor de PG celebra o dia do Samba com “Declaração”

Lago de Olarias ganha árvore de Natal gigante
‘Literatura para a UEPG’ recebe inscrições para aulas sobre obras do PSS
Moda: Versatilidade resgata acessórios de diversos estilos para este verão
Scilas Oliveira lança novo trabalho musical
Associação faz carta aberta pela reabertura dos museus da região Foto: Celso Margraf
PUBLICIDADE

Carta aberta foi direcionada para os gestores públicos da região dos Campos Gerais

A Associação dos Museus da Região dos Campos Gerais (AMRCG), pede em carta aberta a reabertura dos museus para os gestores públicos da região dos Campos Gerais. Ao todo a Associação reúne dezenove espaços museais.

A justificativa da Associação, é ao fato de que os espaços ficaram fechados desde março, obedecendo os decretos estaduais e municipais. Porém, mesmo a pandemia ainda existindo e havendo uma flexibilização de abertura de estabelecimentos comerciais, culturais, parques e outros espaços públicos, a Associação acha justo que os museus sejam reabertos.

Segue a carta aberta na íntegra:

A Associação dos Museus da Região dos Campos Gerais – AMRCG – é uma entidade que reúne dezenove espaços museais da região dos Campos Gerais. Em seu conjunto a AMRCG congrega instituições vinculadas ao governo do estado do Paraná, outras estão diretamente submetidas ao poder público municipal, uma delas está ligada ao Exército brasileiro e, por fim, existem aquelas que são mantidas por empresas, associações privadas ou por um único mecenas.

Nos últimos meses, os museus estiveram fechados em razão dos riscos evidentes provocados pela pandemia do COVID-19. Como qualquer outra instituição, fechamos nossas portas e obedecemos rigorosamente os decretos estaduais e municipais destinados a estabelecer as regras sanitárias indispensáveis para a contenção do contágio do novo coronavirus. Compreendemos que, desta forma, contribuímos com o bem estar público e nos adequamos àquilo que a legislação e o bom senso nos orientavam.

Como é de conhecimento geral, a natureza e a missão de todo e qualquer museu é a promoção de ações e eventos culturais e o atendimento ao público em geral por meio de exposições, espetáculos e eventos culturais e educacionais.

Nas últimas semanas, apesar da pandemia ainda persistir, temos verificado uma leve queda dos números da doença e observado que o poder público no Paraná tem permitido o retorno de diversas atividades, instituições e espaços desde que respeitados os protocolos essenciais para a contenção do contágio do COVID-19.

Assim, escolas, estabelecimentos comerciais de diferentes natureza, espaços culturais, parques e outros espaços públicos foram liberados e voltaram, mesmo que de forma parcial, a contar com a frequência de pessoas.

Nesse sentido nos dirigimos às autoridades paranaenses, apelando para que autorizem – sempre respeitando as normais fundamentais para a preservação da saúde coletiva e, até mesmo, estabelecendo regras específicas – a reabertura dos espaços museais da região dos Campos Gerais.

Sabemos que, em razão de suas naturezas, nem todos os nossos filiados têm interesse ou condições de reabrir neste momento, mas também sabemos que muitos deles estão ávidos para abrir suas portas e voltar a atender a sociedade.

Lembramos que o segmento cultural é fundamental para o desenvolvimento regional e que além de atender os moradores dos Campos Gerais, também absorve o movimento do turismo, estimulando a economia local-regional e servindo como foco de atração para pessoas oriundas de outras partes do Brasil e do exterior.

Nos comprometemos a acatar todas as normas e orientações das autoridades sanitárias, garantimos que nos adequaremos aos protocolos estabelecidos e, em razão disso, rogamos para que nossa solicitação seja atendida.


PUBLICIDADE

Recomendados