Palhaço Picolé realiza apresentações em praças de PG

Mix

23 de outubro de 2020 13:20

Da Redação


Relacionadas

Live às 19h abre exposição do MON em Ponta Grossa

Crônicas dos Campos Gerais: “A Bomboniere Aurora”

Professor promove palestra sobre a Semana da Consciência Negra

Coleções de moda destacam-se por diferentes culturas
Mostra de Talentos será exibida online neste sábado
Escritora de PG lança novo livro
Museu Paranaense traz mostra em parceria com Fundação
PUBLICIDADE

Espetáculo está readaptado e respeita as normas de prevenção ao novo coronavírus

Por meses o picadeiro estava silencioso. Os malabares, o trapézio e o monociclo parados em um canto. A pandemia do novo coronavírus paralisou diversas atividades culturais desde março de 2020, porém neste mês de outubro o Palhaço Picolé e a bailarina não aguentando mais de saudades das próprias palhaçadas e da risada do público decidiram reinventar o circo e trouxeram toda a magia para as praças da cidade.

O projeto “Hoje tem circo na praça? Tem sim, senhor!” está circulando diversos bairros da cidade com 15 apresentações para todo o público. As atividades são gratuitas, em espaço aberto e respeitando todas as orientações necessárias pata evitar o contágio do covid-19. “Nosso espetáculo está todo readaptado, nosso projeto readequado às novas normas sanitárias para levarmos a magia do circo, a arte e a cultura com segurança para as pessoas”, reforça Robert Salgueiro que nos palcos dá a vida ao Palhaço Picolé.

Nas apresentações há disponível um totem higienizador com álcool gel, máscaras descartáveis à disposição e medição de temperatura por colaboradores treinados. Robert afirma que foi um sonho poder realizar esse projeto depois de tantos meses longe do picadeiro. Toda a estrutura foi readequada para a situação atual e aprovada pelo comitê de crise da Prefeitura de Ponta Grossa.

A praça Simão Bolivar foi o palco de uma das apresentações e na plateia estava a Andriele Cristine Moreira com os filhos. Todos aproveitaram e deram muita risada durante a apresentação. Para Andriele a atividade é extremamente benéfica para as crianças porque alivia um momento tão pesado que está sendo a quarentena, além das crianças adorarem o circo elas acompanham sempre o trabalho do palhaço Picolé pela cidade e estavam com saudades do amigo.

O sentimento de saudade do espetáculo não é só das crianças que queriam ver novamente o palhaço, mas também do Picolé que não aguentava mais ficar longe do picadeiro que ele tanto ama. “Eu passei meses longe e agora está sendo maravilhoso. Durante toda a pandemia nós nos reinventamos, fizemos lives, contudo estar no picadeiro é com toda essa estrutura, cenário e ter a nossa plateia maravilhosa nos assistindo está sendo muito legal”, completa Robert, ou como diria o próprio palhaço: “está sendo muito lesgal".

Próximas apresentações:

Neste sábado (24) a cidade receberá duas apresentações, uma às 10h na Praça Dom Antônio Mazzarotto (Jd. Carvalho) e outra às 16h na Praça Ângelo Moro (Vila Estrela). Já no domingo (25) será a vez da Praça da Santa Paula ser o picadeiro às 10h e a Praça anexa ao CRAS Jd Paraíso às 17h.

A partir de segunda-feira (26) as apresentações seguem às 17h na Praça da Vila Santa Maria, no Parque Monteiro Lobato (27) e na Praça do Pôr do Sol na quarta-feira, (28). Para encerrar a programação do espetáculo o Lago de Olarias irá receber o Palhaço Picolé na quinta-feira (29) em dois horários: às 10h e às 17h.

O cronograma está disponível nas redes sociais do Palhaço Picolé no Instagram e no Facebook. O projeto é realizado com incentivo do Promifc, lei de incentivo fiscal da Prefeitura de Ponta Grossa, com o patrocínio do Sicredi e da Construtora Prestes e apoio da Fundação de Assistência Social de Ponta Grossa e ABC Projetos Culturais.

Informações Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE

Recomendados