PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Vereador propõe ‘premiação’ para quem pagar impostos em dia

Ponta Grossa

20 de fevereiro de 2017 19:28

Rodrigo de Souza


Relacionadas

Plauto Miró reúne lideranças em PG para prestar contas

Beto Richa avalia cenário e admite possível candidatura

Ponta Grossa marca presença no Festival das Cataratas

Autor de atentado na Mesquita Imam Ali é preso em PG
Parceria com o Judiciário regularizará 5 mil lotes em PG
'Médicos de Rua' atende pessoas carentes em PG
PRF apreende grande quantidade de droga em PG
Foto: Foto: Divulgação/CMPG
PUBLICIDADE

Geraldo Stocco (Rede) sugere que contribuintes que pagarem o IPTU sem atrasos concorram a prêmios em dinheiro. Número de inadimplentes em Ponta Grossa passa dos 34%.

Em meio à situação financeira do país e ao pacote de aumento de impostos encaminhado pela Prefeitura de Ponta Grossa para votação na Câmara Municipal, o vereador Geraldo Stocco (Rede) sugeriu uma saída alternativa para aumentar a arrecadação nos cofres públicos. O parlamentar utilizou uma moção de sugestão Legislativa para apresentar ao prefeito Marcelo Rangel (PPS) a proposta do ‘IPTU Premiado’. Em resumo, a ideia é que contribuintes em dia com o pagamento de impostos concorram a prêmios em dinheiro ofertados pela Prefeitura.

O projeto chamou a atenção do vereador em um momento em que a Prefeitura precisa aumentar a arrecadação. “Como o Poder Executivo tem mandado vários projetos à Câmara para aumentar alguns impostos, a ideia é criar uma alternativa de aumentar a arrecadação sem afetar a população”, explica o vereador.

Stocco explica que outros municípios – inclusive da região dos Campos Gerais – utilizam o projeto para incentivar o pagamento de impostos em dia e evitar problemas de inadimplência. Outra sugestão do vereador é que a Prefeitura oferte, por exemplo, premiações especiais aos finais de ano. “Existem cidades que sorteiam carros entre os moradores que quitaram as dívidas com o município dentro do prazo”, exemplifica. Um estudo realizado pelo gabinete do vereador aponta que, atualmente, 34.05% da população possui alguma pendência em relação ao pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU).

Geraldo ainda explica que as premiações podem ser adquiridas através de parcerias com o setor privado. “A ideia é marcar uma reunião com o prefeito para apresentar todos os pontos da proposta e analisarmos a melhor forma de viabilizar o projeto”, conta. O vereador afirma ainda que ficou sabendo que Marcelo Rangel teria gostado do projeto. Rangel já teria determinado à equipe do Executivo que faça um estudo para a viabilização da proposta.

Projeto precisa ser encaminhado à Câmara

Pelos trâmites do poder público, o projeto precisa ser encaminhado pelo Executivo para apreciação dos vereadores de Ponta Grossa. Por conta da ‘burocracia’, coube a Geraldo Stocco protocolar a menção de sugestão Legislativa para que o assunto chegasse ao gabinete de Rangel. A expectativa do vereador é auxiliar o Executivo como puder na elaboração do projeto.

Portas abertas

Mesmo sendo da Oposição ao Governo, já que é filiado da Rede do deputado federal Aliel Machado, Stocco começa bem a sua relação com o prefeito. O entendimento do Governo é de que, independente de partido, as ideias que forem benéficas aos ponta-grossenses devem ser colocadas em prática.

PUBLICIDADE

Recomendados