PUBLICIDADE

Vereadores que faltarem terão salário descontado

Desconto aprovado pela Câmara é de aproximadamente R$ 300,00

Mainardes critica vereadores novatos que colocaram transparência da Câmara Municipal em xeque
Mainardes critica vereadores novatos que colocaram transparência da Câmara Municipal em xeque -

Stiven de Souza

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Entre bate-boca e troca de farpas, a Câmara de Ponta Grossa aprovou o Projeto de Resolução 05/2017,  da Mesa Executiva, que regulamenta os descontos nos salários dos vereadores que faltarem às sessões plenárias. Não houve nenhum voto contrário à proposta, que foi apresentada pelo presidente do Legislativo Sebastião Mainardes (DEM). 

De acordo com a resolução, os vereadores terão um dia de trabalho descontado caso faltem nas sessões e não apresentem justificativas previstas no regimento interno para as faltas. Na prática, o valor desconto será de aproximadamente R$ 300,00. Apesar de não haver nenhuma manifestação contra o projeto, a discussão foi tensa. Mainardes chegou a chamar a atenção dos parlamentares Geraldo Stocco (Rede) e Felipe Passos (PSDB), que questionavam uma emenda da Comissão de Obras e Serviços Públicos à resolução.

A pedido do presidente, a emenda, que suprimia a divulgação de uma lista de presença de cada sessão no site da Câmara, foi retirada. “Eu já falei, aqui, que os requerimentos das faltas dos vereadores, a partir deste momento, vai estar no nosso portal”, disse. “Ninguém tem nada para esconder aqui, muito menos eu. Se a falta for por motivo particular, será descontado o salário”, completou.

Além da emenda da Comissão, o projeto havia recebido uma emenda de Stocco, para que o desconto fosse de R$ 1.000,00. A emenda também foi retirada, já que somente membros da Mesa poderiam modificar a proposta. 

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE