PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Stocco quer 'cobertura verde' em todas as obras públicas

Ponta Grossa

13 de março de 2018 16:09

Da Redação


Relacionadas

Odontologia da UEPG prepara mudanças para 2023

Cultura prevê reforma de bens históricos de PG

Aeroporto terá mais obras de melhoria e conservação

Inmet alerta para neve em PG nas próximas horas
Elizabeth confirma R$ 18 milhões para o Distrito Industrial
PG reforça ações para proteger moradores de rua
Copel orienta sobre como economizar energia no frio
Foto: Imagem: Kauter Prado / CMPG
PUBLICIDADE

O vereador Geraldo Stocco (Rede), presidente da Frente Parlamentar Ambientalista, quer tornar obrigatória a construção dos chamados 'telhados sustentáveis' nas próximas obras públicas edificadas em Ponta Grossa. A proposta é alvo do projeto de lei (PL) 20/2018 que tramita na Câmara Municipal - o projeto ainda irá circular pelas comissões internas da Casa de Leis antes de ir ao plenário. De acordo com o autor, a proposta contribui para a sustentabilidade das obras públicas.

O projeto do vereador torna obrigatória a instalação dos chamados 'telhados verdes' ou 'ecotelhado' nas construções públicas feitas após a aprovação da lei. O texto prevê que o mecanismo seja composto por aspectos que reduzam a poluição ambiental, facilite a retenção de água da chuva, sirva de sumidouro para gases do Efeito Estufa e proporcione melhoria no paisagismo.

Na prática, o projeto de Stocco torna obrigatório à adesão do Poder Público a uma tendência mundial: o uso de 'telhados verdes' que consiste em plantar vegetação adequada na cobertura das edificações - normalmente pode ser instalada em lajes convencionais. A tendência tem ganhado destaque diante da possibilidade de diminuição dos custos com energia elétrica, além da contribuição com o meio ambiente.

"Nossa cidade tem um déficit histórico quando o assunto é arborização. Por isso, a exigência do telhado eco sustentável nas novas obras públicas é uma forma de fazer com que o próprio Poder Público dê o exemplo inicial", argumenta o vereador. A proposta prevê que a instalação do 'telhado verde' leve em conta aspectos como impermeabilização, proteção contra as raízes, vegetação, drenagem e reserva de água.

Incentivador de políticas ambientais e sustentáveis, o parlamentar destacou ainda o valor da proposta para a construção de uma legislação responsável no município quando o assunto é meio ambiente. "Temos que nos esforçar para deixarmos um bom legado de medidas que defendam o meio ambiente e, de quebra, incentivem ações de cunho ambiental", argumenta Stocco.

A proposta de Stocco prevê a instalação do 'telhado verde' nas novas obras públicas, sem necessidade de adaptação dos demais prédios públicos.

As informações são da assessoria. 

PUBLICIDADE

Recomendados