Forças policiais prendem suspeito de assaltar guardas

Ponta Grossa

09 de fevereiro de 2019 15:28

Fernando Rogala

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Prefeitura de PG inicia preparativos para o Natal

Mercados e shoppings estarão fechados na Páscoa

PG registra dois novos casos de agressão contra a mulher

Motociclista fica ferido após colisão com carro em Oficinas
Rapaz é ferido com golpe de facão na testa em Uvaranas
Guarda municipal é atropelado e fica em estado grave
Estação Arte oferece oficina de pintura para terceira idade
Após a prisão provisória, um mandado de busca e apreensão foi emitido para buscar na casa onde o jovem mora Foto: COP/aRede
PUBLICIDADE

Jovem de 18 anos foi apontado como um dos suspeitos envolvidos no assalto a dois Guardas Municipais nesta sexta-feira. Ele foi preso com um mandado de prisão temporária


Um rapaz de 18 anos foi preso, na manhã deste sábado (9), por ser um dos suspeitos envolvidos com o assalto a Guardas Municipais. O crime foi cometido ontem (8), na hora do almoço, no cruzamento das ruas Joaquim Nabuco e Olavo Billac, em Olarias, logo atrás do Shopping Palladium. O jovem foi preso com um mandado de prisão temporária após se apresentar na 13ª Subdivisão Policial, junto com sua advogada, após saber que era um dos acusados do crime. Outros envolvidos também são procurados, em diligências que são realizadas.

“A Prefeitura de Ponta Grossa, através do Comitê Integrado de Segurança, informa que a Polícia Civil acaba de cumprir um mandado de prisão temporária de um dos suspeitos do assalto a dois guardas municipais. O suspeito já se encontra sob custódia das autoridades”, revelou a assessoria de imprensa, no final da manhã deste sábado. Logo após essa prisão, foi emitido um mandado de busca e apreensão para a residência onde o rapaz mora, porém nada de ilícito foi encontrado no imóvel.

O Delegado chefe da 13ª SDP, Nagib Palma, destacou a força da ação policial que envolve a Secretaria de Cidadania e Segurança Pública, Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal e Polícia Militar, entre outros. “Desde a data de ontem foi feita uma união de forças; o executivo local nos chamaram com outras forças policiais. Nessa preocupação de darmos resposta rápida, mas é claro que isso continuará: estão sendo feitas novas operações de abordagem. E, nesse caso em específico, pedimos a prisão temporária para ter certeza que o suspeito é o determinado autor”, revelou em entrevista exclusiva ao COP/Portal aRede.

A ação rápida é importantíssima, na opinião de Palma, para dar a resposta da forma mais imediata possível, mostrando que as forças policiais estão agindo para reprimir os crimes. “Qualquer evento criminoso é inconcebível, mas ainda mais desta monta, de pessoas assaltarem agentes de segurança pública, que estão para proteger cidadão. É uma audácia que não podemos permitir “, reforçou.

O jovem acusado também foi ouvido pela reportagem, porém afirmou ser inocente. Ele já tinha passagem na polícia no passado por tráfico de drogas. “O pessoal julga pelo passado, quando tive passagem, quando eu era menor. Eles acusam porque moro perto do endereço. Falaram que o rapaz era parecido comigo, mas não tem nada haver”, disse. “Tenho muitas testemunhas que provam que eu estava em casa, almoçando”, completou.

 

Relembre o caso

O assalto ocorreu por volta das 13 horas desta sexta-feira (8). Segundo informações da Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Pública (SMCSP), os guardas municipais foram rendidos por dois criminosos armados enquanto caminhavam na rua Joaquim Nabuco, na região Central. Durante a ação, que não houve reação dos guardas para salvaguardar a segurança da população do entorno, foram levadas dois revólveres calibre 38, uma pistola de condutividade e um rádio comunicador. Os criminosos fugiram na sequência, mas já foram identificados pelas forças de segurança, que promovem buscas no município para prendê-los.

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede