Prefeitura quer ampliar a coleta de lâmpadas na cidade

Ponta Grossa

26 de maio de 2019 10:18

Da Redação

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Semana será sem chuva e terá manhãs frias

Homem furta caixas de cerveja de posto e é preso

PM realiza Operação Tranquilidade nesta madrugada em PG

Help auxilia com soluções para multas de trânsito em PG
Obra em adutora deixa 70% de PG sem água
Motociclista morre em colisão frontal com ônibus em PG
Projeto revela como deve ficar o novo Mercado Municipal
Empresas devem realizar logística reversa das lâmpadas estocadas Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Medidas estão alinhadas com Grupo R20 - órgão que reúne municípios com foco na implantação da política nacional de resíduos sólidos

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), está trabalhando junto com a Divisão de Resíduos Sólidos da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo e a Associação dos Municípios do Paraná (AMP) para ampliar a coleta e a destinação de lâmpadas fluorescentes usadas. O Município está enviando notificações às empresas que ainda não aderiram ao programa estadual e não realizam logística reversa para descarte adequado do material.

“Ponta Grossa recebeu há um ano pontos de coleta para o descarte de lâmpadas de uso residencial, mas ainda flagramos o descarte inadequado desses materiais e temos informações de empresas que não estão realizando a logística reversa. Os pontos de coleta suprem parte da demanda domiciliar, mas é preciso ampliar este serviço na cidade e garantir que todo o resíduo de lâmpadas gerado tenha destino correto”, avalia o secretário de Meio Ambiente, Paulo Barros.

O envio de notificações às empresas faz parte das estratégias para ampliar a destinação correta desse material na cidade. A medida está alinhada com Grupo R-20 - órgão consultivo do Paraná que reúne representantes de todos os municípios e consórcios intermunicipais para a gestão associada na implantação da política nacional de resíduos sólidos.

Pontos de Coleta

A Reciclus, uma associação sem fins lucrativos que reúne os principais produtores e importadores de lâmpadas com o objetivo de promover o Sistema de Logística Reversa, instalou na cidade três pontos de coleta de lâmpadas, seguindo cronograma definido em acordo setorial entre o Governo Federal e a Associação Brasileira de Importadores de Produtos de Iluminação (Abilumi). Os pontos de entrega são destinados exclusivamente à população, resultante do uso domiciliar.

“O descarte de lâmpadas depende de logística reversa das próprias empresas que produzem estes materiais, mas a Prefeitura tem a preocupação de buscar por parcerias e alternativas de forma a garantir que Ponta Grossa conte com a destinação correta da maior variedade de resíduos. O recolhimento das lâmpadas permite evitar a destinação de metais pesados para o aterro, além de garantir mais segurança aos nossos recicladores, que tem contato direto com os resíduos destinados à coleta seletiva”, destaca Paulo.

Cada coletor tem capacidade para cerca de 600 lâmpadas compactas e tubulares, em caixas lacradas com numeração para rastreamento até o destino final. Após a coleta, o material é encaminhado para reciclagem, com descontaminação do mercúrio, de forma a garantir reaproveitamento de 95% das lâmpadas, reencaminhando o vidro, alumínio e o mercúrio de volta ao mercado. Mensalmente, estão sendo recolhidas nestes pontos cerca de 1.800 lâmpadas resultante de uso domiciliar.

Informações Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede