PG confirma segunda morte por H1N1 em 2019 

Ponta Grossa

11 de julho de 2019 17:04

Lucas Matos


Relacionadas

Justiça nega pedido para Edison Brittes deixar prisão

Lojista Ibrahim Ajaime morre de câncer aos 62 anos em PG

Retrogamer leva PG para uma viagem ao passado

PM flagra menino de 12 anos pilotando moto em PG
Rapaz é preso em PG após dar tapa na cara da mulher
Prestes tem um dos melhores projetos residenciais do país
Uvaranas recebe primeiro Centro de Saúde Integrado
Ponta Grossa registrou 17 casos da doença em 2019 Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Fundação Municipal de Saúde disponibiliza mais 1500 doses da vacina para crianças e idosos 

 

Foi registrado mais óbito causado pelo vírus H1N1 em Ponta Grossa em 2019. A vítima foi uma mulher de 72 anos, que não havia sido vacinada contra a Influenza e que sofria de diabetes. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Ponta Grossa. 

Segunda a assessoria, até quarta-feira (10), o município teve 26 internações e 13 atendimentos ambulatoriais referentes a infecções pelo vírus. O número não representa o total de casos, servindo apenas como controle de atendimentos pela doença.  

Essa é a segunda morte por H1N1 registrada no município, a primeira seria de um homem de 47 anos, também não vacinado, e com doenças respiratórias. Segundo dados do Boletim da Gripe da Secretaria Estadual de Saúde, Ponta Grossa tem 17 casos registrados, nos Campos Gerais o número chega a 19 com outros dois casos em Palmeira e Carambeí. 

De acordo com a assessoria, outras 1500 doses da vacina voltaram aos pontos de vacinação. As vacinas são referentes à segunda dose que é aplicada em crianças, e que não foram aplicadas por falta de comparecimento. As doses serão disponibilizadas para crianças a partir de seis meses e idosos. 

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização