Prefeitura e Prolar lançam o ‘Casa do Servidor PG’

Ponta Grossa

18 de outubro de 2019 13:20

Da Redação


Relacionadas

UEPG define sobre adesão à atividades remotas na segunda

Envolvido em golpes do bilhete é preso em PG

Casal é preso com 30 kg de maconha em Ponta Grossa

Grupo CCR oferece 50 mil consultas médicas
AMTT começa alterações em ruas de Uvaranas
GM apreende quase 20 kg de maconha em bairro de PG
Multinacional repassa alimentos ao Hospital da UEPG
Entre os pontos chave do programa, o diretor-presidente da Prolar destaca a possibilidade de os servidores cadastrados na Companhia adquirem uma casa em qualquer local da cidade Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Iniciativa promovida através de parceria entre Poder Público e setor privado busca facilitar a aquisição da casa própria por servidores que possuam cadastro na Prolar

A Prefeitura de Ponta Grossa e a Prolar (Companhia de Habitação de Ponta Grossa) lançou nesta sexta-feira (18), o programa ‘Casa do Servidor’. A Iniciativa, promovida através de parceria entre Poder Público e setor privado,  busca facilitar a aquisição da casa própria por servidores - municipais, estaduais e federais - que possuam cadastro na Prolar. 

De acordo com o prefeito Marcelo Rangel, a expectativa é de que o programa contribua para fomentar o setor da construção civil no município, oferecendo facilidades para as famílias de servidores que tenham interesse em adquirir a  casa própria. “A intenção é oferecer oportunidades para que os nossos servidores passem a ser donos dos seus imóveis, ampliando a procura por empreendimentos e, por consequência, o aquecimento desse setor, gerando mais empregos e fortalecendo a economia da cidade”, destaca Rangel. 

Entre os pontos chave do programa, o diretor-presidente da Prolar destaca a possibilidade de os servidores cadastrados na Companhia adquirem uma casa em qualquer local da cidade onde hajam empreendimentos viabilizados através de parceria entre o Município, Caixa e construtoras. “A intenção é promover o acesso à moradia, oportunizando que os servidores não fiquem restritos a apenas um empreendimento, mas que tenham a liberdade de buscar condomínios em locais de seu interesse. Os servidores públicos possuem características sócio-econômicas que facilitam o acesso ao financiamento, o que possibilitará oportunidades de condições especiais.  Com o programa, eles terão prioridade, além de outras facilidades para que possam adquirir a casa própria”, conclui Schrutt. 

Informações Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE

Recomendados