Homem é condenado a 12 anos por homicídio em PG

Ponta Grossa

08 de novembro de 2019 13:19

Da Redação


Relacionadas

Stocco pede R$ 2 mi para ajudar trabalhadores desamparados

Vinícius Camargo é contra subsídio à VCG

Rodovias de PG receberão R$ 100 mi em obras

Pacientes de 20 a 49 anos representam 76,6% casos da covid em PG
Prefeitura confirma 47º caso de covid em Ponta Grossa
Decreto libera funcionamento de condomínios em PG
PG registra mais três casos positivos; agora são 46
O réu – que já tinha duas condenações anteriores, por roubo e tráfico – teve a prisão preventiva decretada Foto: Arquivo JM
PUBLICIDADE

Tribunal do Júri de Ponta Grossa condenou a 12 anos de reclusão por homicídio qualificado homem que matou denunciante de traficante em 2014

O Tribunal do Júri de Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, condenou a 12 anos de reclusão em regime fechado um homem acusado de matar por vingança o denunciante de um traficante. O crime aconteceu em 2014, quando o homicida atacou a vítima de emboscada, atingindo-a com golpes de faca. A motivação de vingança deveu-se ao fato de o réu ser primo da esposa do traficante denunciado pela vítima.

Acolhendo as teses apresentadas pelo Ministério Público do Paraná, por meio da 10ª Promotoria de Justiça da comarca, os jurados consideraram a dupla qualificação do homicídio: motivo torpe e meio que dificultou a defesa da vítima.

O réu – que já tinha duas condenações anteriores, por roubo e tráfico – teve a prisão preventiva decretada na sentença.

 

PUBLICIDADE

Recomendados