Rapaz é morto a tiros dentro de condomínio em PG

Ponta Grossa

11 de novembro de 2019 07:34

Da Redação


Relacionadas

Polícia Civil encontra assaltante foragido da Justiça

Projeto de extensão da UEPG forma Educadores Sociais

Audiência pública discutirá Tarifa Zero na Acipg

Lideranças pedem debate mais amplo sobre Tarifa Zero
“Pagamento será facultativo”, diz Rangel sobre Tarifa Zero
Campo Experimental possibilita pesquisas geotécnicas na UEPG
Alunos de CMEIs e Escolas visitam futuros locais de estudo
Jovem foi atingido por vários tiros e polícia ainda procura autores do crime Foto: aRede/COP
PUBLICIDADE

Crime aconteceu no fim da tarde de domingo em condomínio na Avenida Antônio Saad; ninguém foi preso

Investigadores do Setor de Homicídios da 13ª Subdivisão Policial (SDP) trabalham desde as 17h deste domingo (10) para esclarecer o assassinato do jovem Diego Militão Ramo, de 20 anos. Ele foi morto a tiros dentro de um condomínio localizado na Avenida Antônio Saad, no Jardim Carvalho, em Ponta Grossa.

A Polícia Militar foi acionada por volta de 17h com a informação de que havia um rapaz baleado no local. Ele já estava sem sinais vitais quando os socorristas chegaram ao local e não foram revelados mais detalhes sobre as circunstâncias do crime. O local do crime foi isolado para que a Polícia Científica fizesse a perícia e o corpo do rapaz foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Ponta Grossa.

Até a publicação desta matéria, nenhum suspeito de envolvimento no assassinato tinha sido preso e as autoridades trabalham com as possibilidades de homicídio ou latrocínio.

Conforme o Serviço Funerário Municipal, o jovem trabalhava como corretor de imóveis e seu corpo é velado na Capela Municipal São José. O sepultamento está marcado para as 16h30 desta segunda-feira (11) no cemitério São Vicente de Paula.

PUBLICIDADE

Recomendados

IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização