Grupo Tacla inicia novo shopping em PG neste ano

Ponta Grossa

08 de janeiro de 2020 19:43

Fernando Rogala


Relacionadas

PMB lança Selma Cogo pré-candidata à prefeita de PG

Câmara presta homenagem a garoto atropelado no Jd. América

UniCesumar cria projeto de empregabilidade para alunos

Novo calçadão será polo gastronômico, diz prefeito
Rangel teme explosão da covid após Dia dos Pais
Hospital Bom Jesus realiza 2ª Feijoada Beneficente
Densa neblina faz Ponta Grossa sumir do ‘mapa’
Foto: Cristiano Barbosa
PUBLICIDADE

Novo investimento do Grupo Tacla em Ponta Grossa irá sediar mais de 200 lojas, para ser o maior shopping dos Campos Gerais

Está previsto para este ano de 2020 o lançamento oficial do novo shopping do grupo Tacla em Ponta Grossa. Anunciado em setembro de 2018, em uma reunião no gabinete do Prefeito Marcelo Rangel, em uma área localizada na avenida Visconde de Taunay, nas proximidades da rotatória da Rua Londrina, bairro Ronda, a perspectiva é de que as obras sejam iniciadas ainda neste primeiro semestre. Além disso, agora o projeto já tem um nome confirmado: será ‘Plaza Campos Gerais’. As informações estão em um banner colocado recentemente em uma parede do piso térreo do Shopping Palladium em Ponta Grossa, onde estão listados todos os projetos ligados ao Grupo Tacla – o Palladium Ponta Grossa é um deles.

De acordo com o secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, José Loureiro, o Grupo Tacla está realizando avanços no projeto que realiza no município de Campo Largo, o Citycenter Shopping & Outlet, e quanto acabar uma etapa neste local, deverá deslocar os esforços para a execução das obras em Ponta Grossa. “Esse era o plano deles no ano passado: avançar com as obras em Campo Largo para depois começar a trabalhar em Ponta Grossa, entre abril e maio deste ano”, recorda. 

Conforme o projeto apresentado há pouco mais de um ano, o empreendimento terá cerca de 80 mil m² de área construída. Mesmo quando apresentado, os empresários afirmaram que seria um projeto para ser inaugurado, na melhor das hipóteses, em 2021. “O estudo que fizemos mostra demanda do mercado e o crescimento da demanda por aumento população e renda, projetado para 3, 4 ou 5 anos, que é o período de consolidação”, revelou o presidente do grupo, Aníbal Tacla, na oportunidade. Loureiro ressalta que é uma obra grande, a qual acredita que deverá ser concluída somente em 2022.

A reportagem do Jornal da Manhã e Portal aRede entrou em contato com a assessoria de imprensa do Grupo Tacla, com alguns questionamentos, mas não obteve o retorno até o fechamento desta reportagem.


Cerca de duas mil novas vagas serão criadas

O projeto inicial será maior que o outro shopping do grupo em Ponta Grossa, o Palladium, e irá contar mais de 200 lojas. Ele será construído de maneira que possa receber uma ampliação futura, recebendo mais lojas, caso haja a demanda em alguns anos. A perspectiva é de que esse projeto irá gerar cerca de 2 mil vagas de emprego, entre os funcionários diretos do shopping, os terceirizados e os que irão trabalhar nas lojas que irão se instalar no local.

PUBLICIDADE

Recomendados