PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Em PG, Unimed acompanha 312 casos suspeitos

Ponta Grossa

01 de abril de 2020 15:16

Afonso Verner


Relacionadas

Nova cepa chega em PG e Prefeitura amplia restrições

PG garante nota A no Tesouro Nacional com Justiça Fiscal

Prefeitura e Legislativo prestam contas nesta sexta

Evento do Sindilojas conta com palestrante de São Paulo
Fundação de Saúde registra 169 casos nesta quarta em PG
Câmara define comissão de análise do Plano Diretor
Pela ESA, prefeita se reúne com líderes do Exército
Foto: Arquivo JM
PUBLICIDADE

Ao contrário do setor público, Unimed contabiliza como suspeito todo o caso de gripe, resfriado e de outras doenças respiratórias

A Unimed monitora 312 casos suspeitos de Covid-19 em Ponta Grossa. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da empresa. A partir de um critério interno (diferente do critério usado no setor público), a Unimed está considerando como suspeitos todos os casos de gripes, resfriados e outras doenças respiratórias que chegam até o Pronto Atendimento do Hospital Geral da Unimed.

O número de 312 casos suspeitos diz respeito ao levantamento desta terça-feira (31). Segundo a assessoria da Unimed, do total de pacientes acompanhados 312 estão em monitoramento domiciliar e quarentena, além disso há um caso confirmado que está internado no Hospital Geral da Unimed, em leito clínico. O primeiro caso de Covid-19 registrado em Ponta Grossa também foi atendido pela Unimed.

Ainda segundo a assessoria, dentro dos critérios internos adotados pela Cooperativa para os casos que são considerados suspeitos, os pacientes que estão em monitoramento domiciliar não foram testados porque não se encaixam nas diretrizes do Ministério da Saúde, que orientam testar os pacientes de casos graves e internados.

Testes no setor público

Por sua vez, no setor público e privado há uma falta de testes para apontar a contaminação pelo Covid-19. Desta forma, em ambos os caros (Unimed e rede público) apenas pacientes em quadros mais graves ou mesmo que tenham viajado ao exterior sejam submetidos ao teste que identifica a infecção pela Covid-19. 

Segundo o último levantamento divulgado pela Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Ponta Grossa, há seis casos suspeitos, 81 descartados e três confirmados - destes três, dois pacientes já haviam se recuperado. 

PUBLICIDADE

Recomendados