Passos exalta projeção da campanha contra à Covid-19

Ponta Grossa

06 de julho de 2020 21:39

Dhiego Tchmolo


Relacionadas

Comércio de PG tem menor queda de vendas do PR

Zampieri questiona sobre contrato de terceirização da UPA

Começa hoje o Congresso Internacional de Direito Processual

Vinicius encaminha homenagem à gestão de parque
PG registra novo óbito por Covid e total chega em 15
Cescage terá debates importantes no Ciclo da Ciência
Sandro notifica Ecovia sobre tragédia na BR-277
Ato foi bem aceito pelos ponta-grossenses abordados Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Iniciativa de gabinete do vereador de Ponta Grossa distribuiu máscara, álcool em gel e conscientizou população por vários locais do município

A figura da morte reapareceu subitamente na manhã gelada de Ponta Grossa no último dia 02 de junho (quinta-feira), por um bom motivo: a conscientização. Com vestimentas tradicionais e a famosa arma de guerra, ela abordou pessoas em espaços públicos, obrigando-as a passar álcool em gel nas mãos e reforça todas as medidas enfatizadas pelas autoridades sanitárias, especialmente sobre a necessidade e obrigatoriedade do uso de máscara.

A ideia foi levar à população de uma forma bem humorada a consciência no uso de máscaras, do álcool em gel e respeitar o isolamento social. O tema teve repercussão nas redes sociais e foi amplamente divulgado na imprensa da região.

Na sexta-feira (03), foi revelado que a iniciativa partiu do gabinete do vereador de Ponta Grossa, Felipe Passos (PSDB). Segundo a assessoria de imprensa do parlamentar, foi uma proposta de falar sobre as questões pertinentes como máscaras, aglomerações, mas também festas clandestinas.

Foram distribuídas máscaras e álcool em geral. Os organizadores acreditam que foi uma forma lúdica de mostrar os riscos que a população corre ao não se prevenir contra o coronavírus. Através da proposta, foi possível mostrar que as pessoas não podem colocar a vida em risco à toa, segundo a assessoria de imprensa de Passos.

A organização também pontua que o intuito da ação foi mostrar que a morte circula por Ponta Grossa, mas ela não quer levar ninguém, apenas garantir que todos tomem os devidos cuidados. Até essa segunda-feira (6), Ponta Grossa registrou três óbitos pela Covid-19.

PUBLICIDADE

Recomendados