Começa hoje o Congresso Internacional de Direito Processual

Ponta Grossa

03 de agosto de 2020 18:21

Da Redação


Relacionadas

Projeto quer qualificar jovens para setor de TI

Orçamento de PG não permite promessa eleitoreira, diz Gadini

Mabel Canto propõe criação de Policlínicas da Família

PG recebe 1º Seminário Online de Educação Inclusiva na Prática
Debate ganha importância com proximidade da eleição
Prefeitura anuncia orçamento superior a R$ 1 bi
Uninter oferta cursos na área de responsabilidade social
Antônio César Bochenek será um dos participantes do Congresso. Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Todas as palestras ocorrem on-line às 18h, pela página do Facebook

Nesta segunda-feira (03), começa o maior “Congresso Internacional: Um tribunal para a América Latina e Caribe”. O evento organizado pelo Cescage e o Instituto Paranaense de Direito Processual (IPDP) ocorre até o dia 24 de agosto. Todas as palestras ocorrem on-line às 18h, pela página do Facebook: Um Tribunal Para América Latina e o Caribe. A inscrição é gratuita e o certificado de 60 horas, no valor de R$ 60 será disponibilizado após o evento. Inscrições podem ser feitas pelo site congresso.direitoprocessual.org. 

A  primeira palestra terá como tema “Justiça Transnacional, Cidadania Cosmopolita, Circulação de Pessoas e Biodiversidade – Patrimônio da América Latina e do Caribe para os Nacionais e para a Humanidade”, ministrada pelo presidente do IPDP, Desembargador do TJ-PR, Prof. PhD. Dr. José Sebastião Fagundes Cunha, vice-presidente do IPDP, Juiz Federal, Dr. Antônio César Bochenek e Dr. Francisco Artêmio Tavará Córdova, membro da Suprema Corte do Peru.

O evento contará com debates sobre os sistemas judiciários da América Latina e palestras com membros renomados nacional e internacionalmente das Cortes dos diferentes países do Continente.  O objetivo do evento é discutir a possibilidade de criação de um Tribunal de Justiça que engloba sistemas jurídicos e policiais das nações latino-americanas, assim como alternativas de integração e parcerias em diferentes áreas, como Meio Ambiente, Criminalidade e Relações Internacionais.

PUBLICIDADE

Recomendados