Rodada de Negócios busca fortalecer associativismo em PG

Ponta Grossa

28 de agosto de 2020 11:52

Da Redação


Relacionadas

PM flagra festa com 150 pessoas em casa noturna de PG

Moradores encontram corpo às margens de rio

Professora Elizabeth opta por atuação ‘low profile’

Câmara inicia sessões em 30 dias com ‘pauta bomba’
PG anuncia novas medidas contra a covid na sexta-feira
Loureiro e Elizabeth discutem projetos para o aeroporto
PG tem mais 4 mortes e se aproxima dos 15 mil casos
Evento tem o objetivo de fomentar negócios entre as empresas da cidade Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Objetivo do evento online é promover oportunidades de negócios, além de ampliar o networking dos empresários

A Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) realiza no dia 10 de setembro, às 7h30, através de uma plataforma online do Sebrae, uma Rodada de Negócios para seus associados. O objetivo é promover oportunidades de negócios, ampliar o networking dos empresários e remodelar o formato dos Núcleos Setoriais, transformando-os em Conselhos Setoriais, potencializando a ferramenta base associativismo na instituição.

De acordo com a Rafael Zanin, diretor de Fomento da ACIPG, a instituição é uma organização de empresários que buscam o desenvolvimento de sua cidade, mas que atua também na promoção de relações comerciais, através de network entre os associados. “A premissa do associativismo é a ajuda mútua na consolidação e expansão dos negócios”, explica.

O gerente institucional da ACIPG, Gilmar Denck, explica que para participar da Rodada de Negócios será necessário visitar o Conselho Setorial do segmento da empresa interessada, como também se filiar à ACIPG.

“A Rodada de Negócios a se realizar dia 10 de setembro tem como objetivo atrair os empresários a fazerem negócios, mas principalmente repensarem o seu setor, e com isso, de maneira associativista fazê-lo crescer neste período de retomada”, explica Denck.

O diretor salienta que a adesão ao Programa Empreender cumpre este papel, pois oferece acesso a treinamentos comerciais, aprendizagem contínua entre empresários e oportunidades de networking e negócios com centenas de membros de associações em todo Brasil.

“Diante do cenário de pandemia a ACIPG acredita que a maneira de comprar, vender e negociar foi sensivelmente alterada, de forma que a capacitação e as relações comerciais estabelecidas na confiança pautarão o mercado em um futuro já presente”, finaliza Zanin.

Parceria liberou R$ 750 mil em crédito emergencial

A Fomento Paraná está batendo recordes no número de empréstimos. Os contratos das linhas Paraná Recupera, microcrédito e de repasses de recursos do BNDES é a principal procura. De acordo com Karyn Tatsch, correspondente da ACIPG, após o início da pandemia, a ACIPG já disponibilizou mais de R$ 750 mil em crédito para empresários da cidade. “Tivemos um número recorde também de procura e de propostas aprovadas e em análise”, conta Karyn. Nesse período os empréstimos estão limitados a R$ 200 mil e são destinados para uso no capital de giro.

PUBLICIDADE

Recomendados