Mabel anuncia live e candidatura própria ganha força

Ponta Grossa

09 de setembro de 2020 15:07

Afonso Verner


Relacionadas

Moradores de PG encontram ouriço em bairro

Moradores de rua tomam conta de praça em PG

Acidente com três veículos deixa mulher ferida em PG

Catadora de recicláveis de PG pede ajuda para tratar câncer
Cão de faro da PM encontra drogas e homem é preso
Ponta Grossa tem 7.985 candidatos inscritos no Enem
PM flagra festa com 150 pessoas em casa noturna de PG
Pietro e Mabel devem compor 'dobradinha' na disputa pela Prefeitura Foto: Arquivo JM
PUBLICIDADE

Fontes consultadas pelo portal aRede afirmam que deputada estadual deve anunciar dobradinha com Pietro Arnaud (PSB)

A deputada estadual Mabel Canto (PSC) convocou uma live para às 17h desta quinta-feira (10). Fontes consultadas pelo portal aRede e Jornal da Manhã dão conta de que a live tratará da eleição municipal. As fontes consultadas pela reportagem afirmam que a parlamentar deverá anunciar a candidatura a prefeita de Ponta Grossa, tendo como candidato a vice, o vereador Pietro Arnaud (PSB).

O anúncio é fruto da união dos grupos políticos de Mabel do ex-prefeito e comunicador, Jocelito Canto, com o grupo político de Aliel Machado (PSB) - a aproximação aconteceu na semana passada e uma candidatura do grupo vem sendo ‘desenhada’ nos bastidores. Na prática, Aliel, Jocelito e Mabel já haviam anunciado a união de forças e uma candidatura conjunta e só ficou ‘pendente’ a escolha dos nomes. 

Mabel estreou na vida pública em 2018, ao ser eleita deputada estadual com 35.036 votos. na vida pública, Mabel tem pautado o mandato na economia de recursos públicos e transparência. Por sua vez, Pietro Arnaud (PSB) é um fiel escudeiro de Aliel e cumpre o segundo mandato na Câmara Municipal - Pietro é um dos nomes mais técnicos da casa de leis (advogado) e faz parte do grupo de oposição.

Na prática, a candidatura de Mabel pode encontrar empecilhos em um documento assinado pela própria Mabel que garantiria que ela cumpriria integralmente o mandato na Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP). Por sua vez, Pietro Arnaud já foi candidato a deputado federal (2014) e transita bem por diferentes grupos políticos - Arnaud foi chefe do Procon durante a gestão de Pedro Wosgrau (na época no PSDB), por exemplo.

Por sua vez, Aliel Machado destacou ao portal aRede que seguiria comprometido em discutir os problemas da cidade, mas que o nome da candidatura ainda seria deliberado pelo grupo. Em Brasília, Aliel cumpre o segundo mandato como deputado federal e tem ganho destaque ocupando a vice-liderança da oposição. Além disso, Aliel também é uma figura respeitada em Brasília pelo grupo progressista. 

Outros grupos políticos articulam candidaturas

Enquanto isso, outros grupos políticos seguem organizando candidaturas em Ponta Grossa. Marcio Pauliki (SD), por exemplo, constrói a candidatura ao lado de cinco partidos e discute o nome para vice - o ex-prefeito e ex-deputado federal, Otto Cunha (DEM), é cotado. Já o PSOL garantiu o nome de Professor Gadini e do Professor Lineu Kieras como candidatos a prefeito e vice, respectivamente. 

Há ainda o grupo comandado por Elizabeth Schmidt (PSD), que tem como virtual vice o Capitão Saulo (ainda sem partido). Já o PT e o PCdoB firmaram a candidatura de Professor Edson Armando (candidato a prefeito) e o Pastor João Carlos Oliveira Andrade (candidato a vice). Existem no cenário ainda os nomes de Ricardo Zampieri (REPUBLICANO) e Keyla Sanson (PATRIOTA).

PUBLICIDADE

Recomendados