Santa Paula ganha ponto de ônibus como ‘contrapartida’

Ponta Grossa

21 de setembro de 2020 18:40

Afonso Verner


Relacionadas

Veja qual é a agenda dos prefeituráveis em Ponta Grossa

Equipes da ala Covid do HU-UEPG recebem capacitação

Clientes de PG devem agendar atendimento na Sanepar

Pauliki pretende expandir projetos de segurança alimentar
Pride lança empreendimento com preço arrasador em PG
Edson aposta em crescimento de forma diferenciada
Azul não tem previsão de retomar voos neste ano
Foto: Cristiano Barbosa / aRede
PUBLICIDADE

Empresa construiu ponto de ônibus como contrapartida no local. Ação está prevista na lei que prevê Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV)

A região do Santa Paula, em Ponta Grossa, ganhou uma nova estrutura para os passageiros que usam o transporte coletivo. Após uma obra realizada na região, a construtora instalou um ponto de ônibus na região como forma de contrapartida - a iniciativa está prevista na lei do Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV), aprovada pela Câmara de Vereadores.

O presidente da Casa, vereador Daniel Mila, explica que na prática, a lei prevê que empresas que construam obras na cidade que causem impacto nas respectivas regiões sejam obrigadas a ressarcir o município - o tamanho e o valor do ressarcimento é condizente com o tamanho da obra. Com isso, a construção do posto de combustível foi ‘compensada’ com a construção do ponto de ônibus.

Uma outra estrutura do mesmo tipo foi instalada na avenida Monteiro Lobato, no Jardim Carvalho, e também é fruto de uma contrapartida prevista na Lei de Impacto de Vizinhança. No Santa Paula, a nova estrutura deve contribuir com os trabalhadores que atuam no bairro e também com pacientes e funcionários da UPA instalada no Santa Paula.

Anteriormente, o portal aRede havia divulgado de forma incorreta que a alocação do ponto de ônibus do Santa Paula integrava uma outra ação, ainda em andamento e em tramite burocrático. 

PUBLICIDADE

Recomendados