Homem é morto em confronto com a Guarda Municipal

Ponta Grossa

28 de setembro de 2020 07:32

Da Redação


Relacionadas

Cejusc-Cescage será inaugurado em Novembro

PRF restringe tráfego de caminhões em rodovias

Paraná publica edital de seleção de professores

Prestes entrega maior obra dos Campos Gerais
Jovem de 27 anos morre vítima da covid-19 em PG
Batida entre carro e moto deixa piloto ferido em Uvaranas
Polícia Civil realiza buscas e elucida homicídio em PG
PUBLICIDADE

Abordagem aconteceu na noite deste domingo no Jardim Lagoa Dourada, em Ponta Grossa; outro suspeito conseguiu fugir

Um homem morreu ao reagir a uma abordagem da Guarda Municipal na noite deste domingo (27) em Ponta Grossa. O suspeito teria sacado uma arma ao ser abordado no Jardim Lagoa Dourada, no bairro Neves, e não resistiu às lesões após ser baleado. Outra pessoa conseguiu fugir e ainda não tinha sido encontrada até a publicação desta matéria.

Conforme relato da GM, a equipe de motocicletas fazia patrulhamento pela região e desconfiou de dois rapazes que estavam num terreno baldio e fugiram quando perceberam a aproximação das viaturas. Segundo a GM, uma moradora gritou “pega ladrão” enquanto as buscas eram realizadas e um dos suspeitos foi visto pulando o muro da residência. Ele continuou fugindo e, ao chegar numa esquina na rua Neci Nunes Ferreira, sacou uma arma e apontou para um dos agentes.

O guarda municipal atirou contra o suspeito antes que ele disparasse contra a equipe. O Corpo de Bombeiros foi acionado para prestar os primeiros socorros, mas o baleado não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital. De acordo com a GM, moradores relataram que teriam sofrido ameaças com arma de fogo feitas por este homem, identificado posteriormente como Abraão Rodrigues Alves, de 29 anos.

Com o suspeito foram encontrados 25 gramas de maconha e R$ 980 em dinheiro, além de um revólver calibre 32 e 12 munições. O material apreendido foi levado até a 13ª Subdivisão Policial (SDP). A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar as circunstâncias do confronto e também investiga se o suspeito morto tinha antecedentes criminais.

PUBLICIDADE

Recomendados