Horário do comércio volta ao normal a partir de terça-feira

Ponta Grossa

16 de outubro de 2020 18:39

Fernando Rogala


Relacionadas

Ação de cidadania ocorre em bairros de PG nesta semana

Confira a agenda das prefeituráveis nesta terça-feira, 24

Colégio Positivo oferece bolsas de estudo para Ensino Médio

Comércio projeta alta nas vendas nesta Black Friday
Aliel entrega veículo para comunidade terapêutica
Debate no Portal aRede confronta Saulo e Pietro
Comissão conclui CPI do Estar Digital e aponta providências
Lojas voltam a abrir em horário normal a partir desta terça-feira Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Restrições aos horários deixam de valer e o comércio varejista voltará a abrir em horário normal, das 9h às 18 horas para as lojas, e das 10h às 22 horas para os shoppings  


Em pronunciamento há pouco, em uma rede social, o prefeito Marcelo Rangel confirmou a normalização no horário de atendimento do comércio de Ponta Grossa. Hoje abrindo com restrições, em horários diferenciados, as lojas poderão, a partir de terça-feira (20), voltar a atender no horário comercial comum, ou seja, as lojas do comércio de rua abrir das 9h às 18 horas, nos dias de semana. Os shoppings também poderão voltar a abrir em horário normal, como o atendimento era realizado antes, das 10h às 22 horas, entre segunda e sábado; e das 14h às 20 horas nos domingos.

Até segunda-feira (19), com o decreto vigente, as lojas de vestuário e artigos pessoais estão autorizadas a abrir de segunda a sábado das 10h às 18h.  As lojas de eletrodomésticos e utilidades estão abertas das 11h às 19h; e as demais atividades das 9h às 17h. As lojas dos shoppings centers estão restritas, de segunda a domingo, das 12h às 20h; enquanto que as praças de alimentação desses estabelecimentos pode funcionar das 11h30 às 20h.

De acordo com o prefeito, essa é uma medida que pode ser adotada diante da retração nos casos confirmados de Coronavírus no município, bem como no ‘alívio’ da lotação dos leitos de UTI da Covid do Hospital Universitário – dos 30 leitos hoje disponibilizados especificamente para a pandemia, 18 estão ocupados no momento. Além disso, informou o prefeito, os leitos de Curitiba, os quais também pertencem à mesma regional estadual de saúde, também estão com ocupação inferior.

Sobre o decreto a respeito da Covid, Rangel também fez um alerta: “A prefeitura não fará mais proibições, mas serão recomendações”, afirmou.

Outras medidas anunciadas

Além dessa liberação do comércio, o prefeito anunciou diversas outras medidas. Entre elas, a que a frota do transporte coletivo deixará de atuar de forma reduzida e voltará a ser integral. As piscinas de clubes e condomínios voltarão a estar liberados, assim como as áreas kids. Outra liberação anunciada foi a respeito das casas noturnas, que poderão voltar a abrir, porém com restrição de público.

PUBLICIDADE

Recomendados