Professor Edson aposta na tecnologia para gerar emprego

Ponta Grossa

20 de outubro de 2020 14:41

Da Redação


Relacionadas

Sorteios do IPTU Premiado acontecerão em 11 de dezembro

AMTT disponibiliza nova versão do Estar Digital nesta quinta

Rangel reitera: “nós não vamos fechar o comércio da cidade”

Casal de PG é vítima do golpe do falso sequestro
Obras da Sanepar afetam distribuição de água em PG
Comércio de PG amplia as vendas em setembro
Indefinição impede acerto do horário especial de Natal
Foto: Ismael Freitas
PUBLICIDADE

Prefeiturável do PT aposta no uso da tecnologia para gerar emprego e renda em Ponta Grossa

Os micro e pequenos empresários, empreendedores individuais, profissionais autônomos e uberizados foram os mais afetados pelas consequências econômicas da pandemia de covid-19. Eles precisam de todo incentivo e apoio para continuar produzindo e gerando riqueza para suas famílias e para a cidade de Ponta Grossa.

Pensando nisso, a coligação PT-PCdoB, que tem o Professor Edson como candidato a prefeito, colocou em seu plano de governo a meta de fundar a Escola Municipal de Negócios e Qualificação Profissional. Por meia dessa iniciativa, a Prefeitura vai organizar os vários esforços já existentes para dar melhor assistência a esses trabalhadores.

Uma das ações é contratar serviços de técnicos de consultoria legal e de organização através da UNISOL PG, para ajudar os empreendedores a ter acesso à linhas de crédito, fornecendo inclusive um espaço para trabalho com computadores e internet.

“O comércio de bens e serviços caminha rapidamente para utilização de aplicativos móveis (APPs) e a Prefeitura pode incentivar, através do Fundo de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica (FACITEC/UNISOL), a construção ou adaptação de aplicativos que possibilitem o entrosamento entre produtores e consumidores no município. Uma iniciativa como esta custa muito pouco e vai render muito para a cidade”, pontua o candidato.

Essas soluções tecnológicas, no entanto, serão melhor aproveitadas e podem proliferar facilmente com a expansão do Parque Eco-Tecnológico em Ponta Grossa. Um centro de integração de esforços entre empresas e universidades precisa ir muito além de alguns bravos esforços e muita propaganda. É preciso apoio de verdade para que as universidades e faculdades de Ponta Grossa possam contribuir também com o médio e o pequeno empresário da cidade que precisa de mais apoio para trabalhar e produzir melhor.

As informações são da assessoria. 

PUBLICIDADE

Recomendados