Câncer de próstata atinge cerca 65 mil brasileiros por ano

Ponta Grossa

20 de novembro de 2020 18:41

Da Redação


Relacionadas

UniSecal promove ‘Aulão do Enem’ neste sábado (16)

Elizabeth e Rangel se reúnem no Palácio da Ronda

GGPEL reabre loja neste sábado na Avenida Visconde de Mauá

Covid-19: Servidores da Saúde serão os primeiros vacinados em PG
Capacidade de produção da Heineken é ampliada em PG
Situação da Covid em PG pode adiar retorno às aulas
Amigão Pet Shop alerta sobre prevenção de doenças cardíacas em pets
Ricardo Jeczmionski, especialista em Urologia conversou com o Portal aRede para tirar dúvidas sobre o tema Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Especialista em Urologia conversou com o Portal aRede para tirar dúvidas sobre o tema

Durante entrevista ao Portal aRede, Ricardo Jeczmionski, especialista em Urologia e médico credenciado da Consaúde e do Hospital Bom Jesus explicou um pouco mais sobre o perigo do câncer de próstata e os benefícios para a saúde masculina quando os exames preventivos são realizados.

Novembro Azul é o mês de conscientização do câncer de próstata, doença que atinge cerca 65 mil brasileiros por ano e é responsável por 13,6 mortes para cada 100 mil homens, de acordo com dados do Inca (Instituto Nacional de Câncer).

Os sintomas mais comuns ao câncer incluem necessidade frequente de urinar, dificuldade em iniciar ou interromper a micção, fluxo fraco ou interrompido de urina, dor ou ardor, dificuldade para ter uma ereção, ejaculação dolorosa, sangue na urina ou no sêmen, dor frequente e rigidez na parte inferior das costas, quadris ou coxas.

"O Novembro Azul chama muita atenção para o câncer de próstata, mas não é apenas para isso, e sim no geral para a saúde do homem. O mês chega para alertar os homens que precisam buscar fazer exames de rotina e não só ao câncer de próstata", comenta o especialista em Urologia. O médico ainda comentou que o câncer de próstata não é uma doença transmissível e os apenas exames clínicos e laboratoriais são capazes de detectar a doença.

A maioria dos cânceres de próstata é diagnosticada no momento do rastreamento da doença com o antígeno prostático específico (PSA) no sangue ou durante o exame de toque retal. 

"É importante salientar que o câncer de próstata é uma doença silenciosa e não dá sintomas claros. O câncer de próstata na maioria das vezes acomete homens acima dos 55 anos. Então, temos que orientar os pacientes dessa idade que procurem um médico urologista para conversar sobre o câncer", complementa Jeczmionski.

ASSISTA: Portal aRede tira dúvidas sobre o câncer de próstata


Tratamento

Nem todos os tipos de câncer de próstata requerem tratamento imediato. O tratamento do câncer de próstata depende da idade, do estadiamento do tumor, da quantidade de células cancerígenas presentes no tecido da biópsia, dos sinais e sintomas apresentados e do estado de saúde geral do paciente.

Realizar atividade física regularmente, manter um peso saudável, diminuir ou evitar o álcool e não fumar são recomendações importantes para minimizar o risco da doença. Uma alimentação pobre em gorduras de origem animal e rica em frutas, verduras, grãos e cereais integrais pode diminuir o risco de câncer, bem como o de outras doenças crônicas. Além disso, estudos já apontaram os benefícios do licopeno, presente, por exemplo, no molho de tomate, na prevenção desse e outros tipos de câncer.

PUBLICIDADE

Recomendados