Conselho denuncia e polícia prende mãe que agrediu o filho

Ponta Grossa

26 de novembro de 2020 10:31

Da Redação


Relacionadas

PG garante castração gratuita de cães e gatos

Veja quantas doses da vacina contra covid PG vai receber

Stocco quer acabar com concessão de ‘diárias’

PG já tem data e hora para receber vacinas da covid-19
'Se não tivéssemos o Butantan, país estaria perdido', diz Rangel
Ênio Camargo Queiroz, o Zoca, morre aos 70 anos
PG supera 9 mil casos ativos e 247 óbitos pela Covid
Adolescente procurou direção da escola e Conselho Tutelar foi acionado para denunciar caso à polícia Foto: Arquivo aRede
PUBLICIDADE

Crime aconteceu na cidade de Sengés e terminou com a prisão da mulher de 40 anos por lesão corporal e maus-tratos

Policiais civis de Sengés (região dos Campos Gerais) prenderam uma mulher de 40 anos suspeita de agredir o próprio filho. A prisão foi efetuada nesta quarta-feira (25) a partir de uma denúncia feita pelo Conselho Tutelar. A vítima, um adolescente de 13 anos, procurou ajuda numa escola da cidade.

De acordo com o delegado Derick Moura Jorge, a prisão aconteceu no fim da tarde desta quarta. Os conselheiros levaram a vítima até a delegacia e a autoridade policial constatou as lesões no rosto e no pescoço do adolescente. A direção de uma escola municipal procurou o conselho porque o menino tinha ido até o local para pedir socorro.

Diante desta situação, o investigador de plantão e os conselheiros foram até a casa da mãe da vítima e encontraram a mulher no local. Ela foi pressa e responderá pelos crimes de lesão corporal e maus-tratos, e permanece na cadeia pública de Sengés à disposição da Justiça.

PUBLICIDADE

Recomendados