Vítimas do triplo homicídio são identificadas

Ponta Grossa

29 de novembro de 2020 13:46

Da Redação


Relacionadas

PG anuncia novas medidas contra a covid na sexta-feira

Loureiro e Elizabeth discutem projetos de aviação

PG tem mais 4 mortes e se aproxima dos 15 mil casos

Após foto viralizar, diarista consegue emprego em PG
Missionária quer representar o protagonismo feminino
Bênção dos veículos acontece nesta sexta na Igrejinha
Autoridades identificam homem morto no Manacás
Ronaldo Rodrigues, Emerson Carlos Ribeiro e Lucas Edim Seliger Cunha são as vítimas do triplo homicídio Foto: Reprodução Facebook
PUBLICIDADE

Núcleo Quero-Quero tem madrugada violenta com festa, tiros e três pessoas mortas

As autoridades policiais de Ponta Grossa identificaram no final da manhã deste domingo (29), os três homens baleados e mortos na região do Cará-Cará. Um deles é Lucas Edim Seliger Cunha, de apenas 18 anos. As outras duas vítimas são Ronaldo Rodrigues, 34, e Emerson Carlos Ribeiro, de 53 anos. Os corpos passaram pelo Instituto Médico Legal da cidade.

O triplo assassinato aconteceu na madrugada deste domingo no cruzamento das ruas Expedicionário Jofre Martins e Expedicionário Arnaldo dos Santos, no Núcleo Quero-Quero. As motivações e circunstâncias estão sendo apuradas pela Polícia Civil. Segundo a Polícia Militar, havia uma confraternização entre amigos nesse local.

Testemunhas relatam que um automóvel de cor branca (marca e modelo não informados) parou neste cruzamento e dele desembarcaram dois homens. Houve, em seguida, diversos disparos de uma arma calibre 9 milímetros, atingindo Lucas e Ronaldo. Os autores dos tiros fugiram do local.

Minutos mais tarde, uma moradora da região voltou para sua residência após prestar condolências aos familiares de Lucas e Ronaldo e, ao abrir o portão da residência, se deparou com o corpo de Emerson, conhecido pelo apelido de ‘Mãozinha’. ‘Possivelmente essa vítima foi alvejada e pulou o muro desta residência para fugir dos autores’, comentou uma fonte policial.

Equipes policiais continuam realizando patrulhamentos na região e até este momento não localizaram pistas sobre os criminosos.

PUBLICIDADE

Recomendados