Em 1º discurso, Elizabeth promete gestão humanizada

Ponta Grossa

29 de novembro de 2020 19:09

Andre Bida


Relacionadas

PM prende suspeito de manter mulher em cárcere privado

Homem é executado com tiros na cabeça em PG

Câmara de PG publica novas nomeações e exonerações

Projeto 'Missão Calebe' realiza ações voluntárias em PG
Paulo Balansin quer diminuir número de vereadores em PG
Tânia Sviercoski visita delegacia da Polícia Federal em PG
Coletivo do PSOL e Joce Canto se reúnem com setor de Saúde
Segundo a prefeita eleita, 'a população enxergou que o bom senso e competência valem muito para fazer a diferença' Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Segundo a prefeita eleita, 'a população enxergou que o bom senso e competência valem muito para fazer a diferença'

Em seu primeiro discurso, realizado no Fórum Eleitoral de Ponta Grossa, no início da noite deste domingo (29), a Professora Elizabeth Schmidt (PSD) prometeu aos ponta-grossenses uma gestão mais humanizada.

"Nós vamos fazer uma cidade maior, melhor, humana e desigual. Esse é um governo de todos, para todos e por todos. Uma mulher pode muito, muito mais que ela pensa quando ela tem coragem e determinação", diz Elizabeth.

A professora ainda agradeceu a todos que participaram de sua campanha, que segundo ela foram essenciais para chegar a vitória. "Quero dizer o seguinte, sonhem porque é o primeiro passo da sua realidade. Só com fé, oração, amigos e trabalho se chega a vitória e nós provamos isso junto com o povo, que acreditou nas nossas propostas. Vamos começar uma nova era. Essa vitória aconteceu porque a população enxergou que o bom senso e competência valem muito para fazer a diferença", finalizou.

Votação

Com 100% das urnas apuradas, a atual vice-prefeita conquistou 87.932, ou seja, 52,38% dos votos válidos. Mabel Canto (PSC), por sua vez, obteve 79.929 votos, o que corresponde a 47,62% do total. Em percentual, a diferença entre as duas foi de 4,76%.

Em relação ao primeiro turno, quando a Professora Elizabeth conquistou 51.565 votos, o qual concluiu na segunda colocação, ela aumentou em 36.367 a sua votação. Já Mabel Canto, que terminou o primeiro turno na liderança, com 61.702 votos, teve um crescimento de 18.227 votos. Ou seja: a professora quase dobrou o número de votos em relação à candidata do PSC.

PUBLICIDADE

Recomendados