PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Prefeitura suspende contrato com a Cidatec

Ponta Grossa

21 de dezembro de 2020 13:13

Da Redação


Relacionadas

Ambulância de PG se envolve em grave acidente

Mega Limpa estoque LCA Móveis e Decoração

Seu tratamento ortodôntico pode ser 40% mais rápido

Grupo Grazziotin traz a PG mais uma loja de suas redes
Prefeitura atende mais de 500 pessoas no Oscar Pereira
Centro de Convivência da UEPG é ponto de vacinação da covid
PG libera consulta à nova etapa da vacinação pediátrica
O decreto 18.148\2020 suspende os serviços do EstaR por tempo indeterminado Foto: Arquivo JM
PUBLICIDADE

Estacionamento rotativo fica suspenso por tempo indeterminado em Ponta Grossa

Um total de quatro decretos da Prefeitura de Ponta Grosa foram publicados no Diário Oficial do Município com alterações no Estacionamento Regulamentado (EstaR) e na Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT), em razão das possíveis irregularidades apontadas pelo Gaeco,dentro da Operação Saturno.

De acordo com o Blog Doc.Com, do jornalista Eduardo Farias, O decreto 18.147\2020 suspende o contrato entre a AMTT e a Cidatec Tecnologia e Sistema Ltda, responsável pela implantação e gerenciamento do EstaR, alvo da investigação do Gaeco e cujos proprietários estão presos preventivamente desde a última terça-feira (15), quando a operação foi deflagrada.

O decreto 18.148\2020 suspende os serviços do EstaR por tempo indeterminado, diante da suspensão do contrato com a empresa que presta os serviços. Ficam suspensas a validação de vagas, assim como a emissão e a regularização de notificações do EstaR. De acordo com o Departamento de Trânsito (Deptran) da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes (AMTT), a ação vale por tempo indeterminado.

Em relação aos usuários que porventura tenham validado vagas durante esta segunda, a orientação é para que solicitem o reembolso através dos canais de atendimento. Os pedidos podem ser feitos através da aba Fale Conosco no próprio aplicativo ou através do Whatsapp (42) 9 9122-3777.

O decreto 18.146\2020 suspende o contrato de trabalho do presidente da AMTT, Roberto Pelissari, desde o último dia 15 de dezembro, preso temporariamente na operação do Gaeco, enquanto o decreto 18.149\2020 designa o secretário municipal da Fazenda, Cláudio Grokoviski, para ser o ordenador de despesas da AMTT, para que possa fazer o pagamento de salários e encargos sociais enquanto a Autarquia estiver sem presidente.

Os decretos são assinados pelo prefeito Marcelo Rangel e pelo procurador geral do Município, João Paulo Deschk.

 

PUBLICIDADE

Recomendados