PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Regional de Saúde recebe 'reforço' de insumos para vacinação

Ponta Grossa

16 de janeiro de 2021 10:19

Afonso Verner


Relacionadas

Pauliki e Hang unem forças por vacinação no país

Torcedores do Flamengo aglomeram no Centro de PG após título

Imunização de idosos acima dos 85 anos começa em PG

Conheça a Adquira Imóveis, parceira aRedeNegócios
PG fixa multa de R$ 5 mil por desrespeito a novo decreto
Alphaville Urbanismo anuncia novo empreendimento em PG
Vaquinha arrecada fundos para cadeira de rodas
Regional de Saúde é chefiada por Robson Xavier Foto: Arquivo / aRede
PUBLICIDADE

Carga com 64 mil agulhas, 5 mil máscaras e 32 mil carteiras de vacinação foi entregue neste sábado (16)

A 3ª Regional de Saúde, com sede em Ponta Grossa, recebeu neste sábado (16) um carregamento com insumos destinados à vacinação contra covid-19. Segundo o chefe da Regional, Robson Xavier (foto), os insumos são um "reforço" para o início da campanha de vacinação e neste momento não há qualquer desabastecimento nos municípios. As doses da vacina deverão ser entregues nos próximos dias.

Xavier conta que o carregamento trouxe 64 mil agulhas, 5 mil máscaras e 32 mil carteiras de vacinação. "Esse é um reforço para que possamos iniciar a campanha nos municípios. Cada cidade poderá começar a retirada dos insumos já na segunda-feira", explicou o chefe da Regional garantindo o cumprimento do planejamento da Secretaria de Saúde do Paraná.

O carregando foi trazido com apoio do Pelotão de Choque da Polícia Militar (PM). A Regional atende os municípios de Ponta Grossa (cidade polo), Arapoti, Carambeí, Castro, Ivaí, Ipiranga, Jaguariaíva, Palmeira, Piraí do Sul, Ponta Grossa, São João do Triunfo, Porto Amazonas e Sengés.

Públicos prioritários

A vacinação contra a covid-19 deverá ter dois públicos prioritários nesta etapa inicial: profissionais da saúde e idosos internados em instituições de longa permanência (asilos). Ao todo, os profissionais de saúde somam 2,8 mil pessoas em Ponta Grossa segundo a Fundação Municipal de Saúde.

PUBLICIDADE

Recomendados