PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Número de MEIs cresce e supera 20,4 mil em PG

Ponta Grossa

20 de janeiro de 2021 19:31

Fernando Rogala


Relacionadas

PG irá receber ambulatório médico de especialidades

Equipe da Guarda Municipal evita tragédia no Borato

Motorista é preso após bater veículo na BR-376

Família pede ajuda para encontrar cadela desaparecida
PG tem seis novos óbitos por covid e enfermaria lotada
Motorista fica preso às ferragens na BR-376 em PG
Rangel e Sandro comemoram vitória dos pais contra a covid
Com a pandemia, muitas pessoas resolveram empreender por necessidade Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Número cresceu em mais de 3 mil em 2020. No Paraná, foram 126,5 mil novos MEIs no decorrer de 2020, marca 19,2% maior do que a registrada no ano anterior 


O ano de 2020 foi marcado pela pandemia, pela crise e paralisação de diversos setores da economia. Mas, em meio a esse cenário caótico, muitos brasileiros enfrentaram as adversidades e buscaram abrir o seu próprio negócio. Segundo dados da Receita Federal, apenas em 2020, o Paraná teve o registro de 126.520 novos microempreendedores individuais, marca 19,2% maior do que a registrada em 2019, quando 106.123 novos MEI foram criados. 

Em Ponta Grossa, houve um crescimento de 3 mil no número total de microempreendedores individuais. Se, ao final de 2019, o município contava com 17,1 mil MEIs, agora, em janeiro, o município possui 20,4 mil Microempreendedores Individuais. Isso representa 44% do total de empresas ativas da cidade, e se tornou a maior modalidade empresarial em Ponta Grossa, superando, no ano passado, o total de Micro Empresas (MEs), que totalizam 19,4 mil. 

A coordenadora estadual do MEI no Sebrae/PR, Carla Selva, explica que o crescimento no número de empreendedores não se dá apenas pela criação de oportunidades em atividades que apresentaram crescimento, como as vendas online ou delivery. “Muitas pessoas perderam seus rendimentos e resolveram empreender por necessidade, como uma alternativa para garantir renda em um momento de escassez de empregos. Como o negócio visa a subsistência do empresário e de sua família, é preciso buscar auxílio e ferramentas que ajudem a empresa a se desenvolver”, avalia Carla Selva.

O aumento no número de microempreendedores individuais também acontece, nacionalmente, também segundo a Receita Federal. Em 2020, no mês de abril, o país registrou a marca de 10 milhões de MEI e, ao final do ano, foram registrados mais de 1,88 milhão de novos MEI, elevando o total para 11,31 milhões por todo o país. O número foi 11,1% maior do que em 2019, quando foram abertos 1,69 milhão de novos negócios nessa modalidade.


Construção Civil lidera o número de formalizações

A modalidade com o maior número de microempreendedores individuais em Ponta Grossa é a Construção Civil. Ela corresponde a 15,6% do total de MEIs registrados na cidade, com um total de 3.211 formalizados. Logo depois aparecem o setor de beleza, com 2.276 empreendedores; comércio varejista, com 1.797; e serviços a empresas, com 1.707. A quinta principal modalidade é uma das que mais cresceram neste momento de pandemia, a alimentação fora de casa, com 1.685 microempreendedores formalizados.


Com informações das assessorias

PUBLICIDADE

Recomendados