PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Contas de Jocelito e Rangel deverão ser votadas em julho

Ponta Grossa

16 de junho de 2021 20:45

Rodolpho Bowens


Relacionadas

PG realiza mais de 300 exames preventivos para as mulheres

Em casa, Operário enfrenta o Coritiba pela Série B

Prefeitura de PG vacina 7655 pessoas neste sábado

Boletim registra 48 casos e duas mortes por covid em PG
Rapaz foge da GM em moto e leva pânico ao centro de PG
Mulher é detida furtando relógios em shopping de PG
Em PG, dono queima mato seco e termina com casa incendiada
Vereador de Ponta Grossa, Paulo Balansin (PSD), é o presidente da Comissão de Finanças. Foto: Luiz Lacerda/CMPG.
PUBLICIDADE

Jocelito foi notificado nesta quarta-feira (16) e Marcelo Rangel deverá ser amanhã (17)

O presidente da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização da Câmara Municipal de Ponta Grossa (CMPG), Paulo Roberto Balansin (PSD), afirmou ao Portal aRede que o ex-prefeito Jocelito Canto já foi notificado sobre a votação de suas contas. Além disso, o antigo representante do Executivo, Marcelo Rangel, deverá ser comunicado nesta quinta-feira (17). Ambos terão as contas votadas pelo Legislativo, após o Ministério Público do Paraná (MPPR) ter solicitado que a situação aconteça nas próximas semanas, visto que a votação já está há tempos parada na Casa de Leis.

Após a notificação, ambos os políticos terão dez dias úteis para apresentar a defesa deles – Jocelito a contar a partir de hoje (16) e Rangel de quinta (17). Após isso, a Comissão de Finanças deverá dar um parecer sobre as contas de ambos os ex-prefeitos. De acordo com o presidente Paulo, “tudo será realizado no prazo legal e dentro da legalidade. Eles terão o direito de defesa. A Câmara está fazendo tudo o que o Ministério Público está solicitando”, explicou ao Portal aRede. Por fim, com o parecer da Comissão, a votação será levada ao Plenário da CMPG.

Sobre a votação, Paulo também comentou que ambas poderão acontecer no mesmo dia – sem uma data exata ainda. Apesar disso, segundo ele, caso o setor jurídico da Câmara entenda que elas devam acontecer em dias diferentes, Paulo seguirá a decisão. Nesta quarta-feira, um manifesto aconteceu durante a ‘Sessão Ordinária’ do Legislativo. Cartazes foram colocados na Galeria com as frases “E aí, caros vereadores, vão ficar sentados em cima das contas do Jocelito até quando?” e “Em cima das contas do Rangel, vai acontecer o mesmo?”, questiona o grupo.

Na última terça-feira (15), o Portal aRede noticiou que o MPPR solicitou à Câmara que a votação de ambas as contas aconteça em breve. Na ocasião, tanto o processo como a conclusão do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE/PR) já estavam com a Casa de Leis. Nas decisões mais recentes do TCE, ficou constatado que ambas as contas apresentavam irregularidades. Como Jocelito já foi notificado, o documento fala que a prestação de contas será “referente ao exercício financeiro de 2000, em que o Egrégio Tribunal de Contas do Estado do Paraná, emitiu o parecer prévio pela irregularidade das contas”, cita trecho do documento.

Inelegibilidade

Caso as contas de ambos os políticos forem recusadas pela Câmara Municipal, eles passam a ficar inelegíveis para as próximas eleições. Jocelito Canto foi prefeito da cidade ponta-grossense entre os anos de 1997 a 2000. Já Marcelo Rangel ficou na liderança do Executivo de 2012 a 2016 e depois foi reeleito de 2017 a 2020. A atual prefeita do Município é Elizabeth Schmidt (PSD), vice de Rangel durante o seu último mandato.


Assuntos semelhantes:

Jocelito é notificado pela CMPG sobre votação de contas.

Manifesto pede votação das contas de Jocelito e Rangel.

MP requisita a votação das contas de Rangel e Jocelito.

PUBLICIDADE

Recomendados