PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Tribunal de Contas cobra agilidade da vacinação em PG

Ponta Grossa

17 de junho de 2021 10:33

Da Redação


Relacionadas

Ex-professora da UEPG lança e-book com poemas de alunos

Grupo cria projeto que explora a educação musical e científica

Carreata de Natal Havan passa por PG hoje

Humai-UEPG celebra Dia Mundial da Prematuridade
Homem tem carro e celulares roubados no centro de PG
PG aplica hoje dose de reforço para profissionais da saúde
Jovem perde controle do carro e causa acidente em PG
Das 168.627 vacinas recebidas pela Secretaria Municipal de Saúde, a cidade utilizou somente 98.206. Prefeitura diz que já aplicou 139 mil doses Foto: Divulgação
PUBLICIDADE

Das 168.627 vacinas recebidas pela Secretaria Municipal de Saúde, a cidade utilizou somente 98.206. Prefeitura diz que já aplicou 139 mil doses

O Tribunal de Contas reforçou a fiscalização sobre o desempenho dos 399 municípios paranaenses na vacinação contra a Covid-19. O TCE-PR tem constatado em várias cidades uma grande defasagem entre o número de vacinas aplicadas e o total de doses recebidas. A partir de agora, o órgão de controle externo notificará periodicamente as prefeituras que apresentarem um índice de aplicação que fique abaixo do patamar que será estabelecido com base nas médias do estado, conforme o avanço da vacinação.

Até esta quarta-feira (16), oito municípios mantinham índice de aplicação abaixo de 60% em relação ao número de doses enviadas. Sete deles haviam sido notificados pelo Tribunal no último dia 10: Mandaguaçu (cujo índice atual é de 50,25%), Tunas do Paraná (50,47%), Piraquara (53,45%), Candói (53,46%), Nova Laranjeiras (55,52%), Guaraqueçaba (57,86%) e Doutor Ulysses (59,98%).

Ponta Grossa, um dos principais municípios do Paraná, passou a figurar na lista, com índice de aplicação de apenas 58,24% das doses. Das 168.627 vacinas recebidas pela Secretaria Municipal de Saúde, foram utilizadas somente 98.206. Segundo a Prefeitura de Ponta Grossa, até esta quarta-feira (16), cerca de 139.178 doses já foram aplicadas na cidade.

Por meio do Canal de Comunicação (CACO) - ferramenta eletrônica de diálogo institucional com as prefeituras -, o TCE-PR já oficiou o Município de Ponta Grossa para apresentar justificativas. Os dados apurados pelo Tribunal de Contas constam no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI), mantido pelo Ministério da Saúde. E é alimentado pelos próprios municípios.


Com informações do TCE Paraná

PUBLICIDADE

Recomendados