PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Servidores do Samu cobram prefeita Elizabeth na Câmara

Ponta Grossa

21 de junho de 2021 19:45

Rodolpho Bowens


Relacionadas

Homem é preso após agredir esposa na região de Uvaranas

Jovem que estava desaparecido é encontrado morto em PG

PM encontra 56 pedras de crack com auxílio de cão farejador

Motorista fica ferido após bater contra um poste em PG
Polícia prende dois homens por furto no bairro Órfãs
Em 23 anos, RodoNorte investe R$ 5 bilhões em obras no PR
Audiência Pública traz debate sobre Machismo Estrutural
Manifesto aconteceu nesta tarde de segunda (21). Foto: Dana Machalak
PUBLICIDADE

Segundo o grupo, eles não recebem uma resposta efetiva do Governo Municipal sobre o processo de regionalização há quase dois anos

Os servidores do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) voltaram a protestar na Câmara Municipal de Ponta Grossa (CMPG), nesta segunda-feira (21). A manifestação cobra respostas da prefeita Elizabeth Schmidt (PSD) sobre a possibilidade de os trabalhadores serem transferidos para outros setores. Segundo o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ponta Grossa (SindServ), Roberto Ferensovicz, há quase dois anos os funcionários não recebem uma resposta efetiva do Governo Municipal.

Durante o ato, cartazes foram colocados em frente do Legislativo com frases como: “Prefeita, servidores do Samu merecem mais respeito, queremos sua resposta”. Ainda de acordo com Roberto, há “falta de respeito da administração municipal. Hoje, com o processo de regionalização, há risco desses servidores serem transferidos para outro setor. Sequer os trabalhadores foram recebidos pela prefeita para dar uma resposta final”, critica o presidente do SindServ.

Em 24 de maio deste ano, o Portal aRede também noticiou um manifesto do grupo, também na Câmara Municipal. Mais informações acessando aqui.

PUBLICIDADE

Recomendados