PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Pai que perdeu o filho esfaqueado presta depoimento

Ponta Grossa

03 de setembro de 2021 12:08

Andre Bida


Relacionadas

Mercado imobiliário deverá passar por mudanças em 2022

Sesa registra novas mortes e PG soma 5 óbitos por H3N2

Corregedoria arquiva denúncias contra vereador Geraldo Stocco

PG tem uma das maiores taxas de positivação de Covid no PR
PG abre nova etapa da vacinação pediátrica
UEPG adia retorno das aulas teóricas presenciais
Prefeitura coleta 4 toneladas de resíduos na Chapada
Amâncio Walmor Medeiros e seu filho, Odon Medeiros, foram agredidos por golpes de faca em uma hamburgueria no último final de semana Foto: Márcio Lopes/aRede
PUBLICIDADE

Amâncio Walmor Medeiros e seu filho, Odon Medeiros, foram agredidos por golpes de faca em uma hamburgueria no último final de semana. Odon não resistiu aos ferimentos e morreu no local



O homem de 63 anos que foi esfaqueado junto com o filho em uma hamburgueria, na madrugada do último domingo (29), presta depoimento na tarde desta sexta-feira (3). Amâncio Walmor Medeiros e seu filho, Odon Medeiros, foram agredidos após uma discussão no estabelecimento, localizado no cruzamento das ruas Londrina e Generoso Martins de Araújo, na Nova Rússia, em Ponta Grossa. Odon não resistiu aos golpes e morreu no local.

Segundo o advogado de Amâncio Walmor Medeiros, o seu cliente deve prestar depoimento para as autoridades policiais com a intenção de colaborar nas informações que localizem o paradeiro do autor das facadas, o qual segue foragido.


Vítima

Odon Medeiros era empresário, diretor do Clube América de Pontagrossense e tinha duas filhas. O corpo foi velado na Capela Funerária Princesa e sepultado na segunda-feira (30), no cemitério Parque Jardim Paraíso.


Relembre o caso

Pai (63 anos) e filho (41 anos) foram esfaqueados, na madrugada do domingo (29), em uma hamburgueria, localizada na Nova Rússia, em Ponta Grossa. Uma das vítimas, de 41 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Segundo informações fornecidas ao Portal aRede, pai e filho estavam no local com alguns amigos quando iniciou um desentendimento com outras pessoas, devido ao jogo que praticavam no local. Com os ânimos alterados, um homem agrediu com uma faca a vítima de 63 anos. Vendo seu pai ser agredido, o filho tentou protegê-lo e também foi ferido.

Socorristas e o médico do Samu foram acionados, mas chegando no local constataram a morte do homem. O pai da vítima teve um ferimento nas costelas e foi encaminhado para a Upa Santa Paula.

PUBLICIDADE

Recomendados