PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Saúde faz novo manifesto na Câmara de Ponta Grossa

Ponta Grossa

13 de setembro de 2021 15:04

Rodolpho Bowens


Relacionadas

Plauto Miró reúne lideranças em PG para prestar contas

Beto Richa avalia cenário e admite possível candidatura

Ponta Grossa marca presença no Festival das Cataratas

Autor de atentado na Mesquita Imam Ali é preso em PG
Parceria com o Judiciário regularizará 5 mil lotes em PG
'Médicos de Rua' atende pessoas carentes em PG
PRF apreende grande quantidade de droga em PG
Manifestações da Saúde têm sido recorrentes na Câmara de Ponta Grossa. Foto: Divulgação.
PUBLICIDADE

Cartazes foram colocados na Galeria do Poder Legislativo, nesta segunda-feira (13); profissionais pedem pela manutenção do adicional de insalubridade de 40%

Servidores da Saúde de Ponta Grossa realizam, na tarde desta segunda-feira (13), um novo manifesto na Câmara Municipal de Ponta Grossa (CMPG) pedindo melhores condições de trabalho, bem como a manutenção do pagamento do adicional de insalubridade de 40% pela Prefeitura Municipal (PMPG) – a quantia retornará aos valores normais de 20%. O movimento é organizado pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ponta Grossa (SindServ).

Cartazes foram colocados na Galeria do Poder Legislativo com as seguintes manifestações: ‘Prefeita Elizabeth, pagar o 40% de insalubridade é o mínimo para valorizar os profissionais da Saúde’; ‘A Pandemia não acabou, estamos atuando na Linha de Frente no combate à COVID-19’; ‘Aplausos, homenagens e luz verde não pagam boleto. Queremos valorização de fato’.

Os profissionais da Saúde pedem o apoio da Casa de Leis para a manutenção do adicional de insalubridade de 40%. Recentemente, os parlamentares aprovaram a Moção de Apelo 435/2021 direcionada à prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Silveira Schmidt (PSD), para que se mantenha o pagamento de 40% - mais informações clique aqui.

Eles também organizam uma carreata para a próxima quarta-feira (15), data em que Ponta Grossa celebra 198 anos – entenda a situação acessando aqui.


Assuntos semelhantes:

Elizabeth pede 'bom senso' sobre greve na Saúde de PG.

Saúde de PG recusa proposta e indica mais paralisações.

Vacinação contra a covid não será afetada por greve.

PUBLICIDADE

Recomendados