PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Paulistana acha 'ficante' em PG após ajuda da Prefeitura

Ponta Grossa

27 de outubro de 2021 14:24

Da Redação


Relacionadas

Autoglass abre vagas de emprego em Ponta Grossa

Você sabe o que é separação de poderes?

Encerram hoje inscrições para oficina de produção audiovisual

Giraffas PG faz ofertas imbatíveis na Black Friday
CSN adquire Metalgráfica Iguaçu em Ponta Grossa
Casal é detido com 47 Kg de maconha em rodovia de PG
Mulher morre dois meses depois da filha em PG
Situação foi publicada nas redes sociais em viralizou entre os usuários. Foto: Reprodução.
PUBLICIDADE

A jovem, que mora em São Paulo, afirmou que não queria voltar para casa sem antes saber o nome do jovem de “bigodinho” que havia beijado em uma festa

Uma situação inusitada tomou conta das redes sociais desde a última segunda-feira (25): Amanda Iohn, de 28 anos, recorreu à Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG) para encontrar um rapaz que ela havia beijado em uma festa. Ela mandou uma mensagem no perfil do Instagram do Poder Executivo e contou que não queria voltar para São Paulo, onde mora, sem o jovem.

“Beijei um menino em Ponta Grossa, com bigodinho. Não quero voltar para São Paulo sem ele. Mas não sei o nome dele, achem para mim o cadastro na Prefeitura”, diziam as mensagens. O que Amanda não esperava, no entanto, é que seria respondida pela PMPG. Bem-humorada, a resposta surpreendeu a jovem: “Oi, Amanda! Voltou para São Paulo sem o bigodinho?”.

Em entrevista, Amanda contou que estava em Ponta Grossa visitando seus pais e beijou o rapaz na Baicu-BÖ, um bar da cidade. Desde o momento em que se viram pela primeira vez, a jovem afirmou que tudo foi muito inusitado. “Passei por ele e me interessei, fui ao banheiro, quando voltei ele olhou bem no fundo dos meus olhos e falou 'eu quero você'. Nos beijamos e quando virei as costas ele sumiu. Por um momento, pensei que era uma assombração mesmo”, ela disse.

Assim que saiu do barzinho, a jovem contou que procurou o rapaz em todos os lugares, mas não encontrou. Foi então que pensou em mandar a mensagem no Instagram da Prefeitura, como última tentativa. Impressionada com a resposta que recebeu, Amanda logo publicou um print da conversa com o Executivo no Twitter e o caso viralizou. Não demorou muito para que os internautas começassem a se empenhar na busca pelo “bigodinho” de Amanda.

Felizmente, o “bigodinho”, que se chama Luiz Guilherme Dalperio, também ficou sabendo da procura da jovem e entrou em contato com ela pelo Instagram. “Oi, por acaso sou eu que você estava procurando no Twitter?”, ele perguntou. A mensagem foi comemorada por Amanda e ela não deixou de agradecer a todos os internautas que a ajudaram na busca. “Eu amo vocês, vou pagar uma rodada de cerveja para todo mundo”, comemorou.

Os dois logo trataram de confirmar se Luiz era mesmo o jovem procurado por Amanda. Verificaram as informações sobre a noite em questão e Luiz a enviou até uma foto que eles teriam tirado no momento em que se conheceram. Luiz Guilherme entrou na brincadeira e chegou a mudar seu nome no Twitter para “Bigodinho”. Amanda, que é empresária e trabalha com marketing e relações públicas, afirmou que não imaginava que o caso tomaria a proporção que tomou. “Fiquei impressionada com a força que as redes sociais têm, as pessoas se uniram para procurar ele e realmente encontraram. Para você ter ideia, minha mãe ficou sabendo do caso porque uma vizinha dela contou. Vários artistas repostaram também a história”, contou.

Por fim, para o delírio dos românticos de plantão nas redes sociais, a procura deu certo. Amanda fez uma postagem contando que ela e Luiz estavam em um jantar regado a um bom vinho. Ela contou que o encontro foi muito divertido e que os dois riram muito ao conversarem sobre a história e a grande repercussão da procura pelo “bigodinho”.

Quando questionada sobre o futuro do casal, Amanda contou que eles estão conversando e que a distância não será um problema. “Temos muitas coisas em comum, pensamos muito parecido sobre vários assuntos. Enfim, rolou uma sintonia muito legal. Vamos continuar conversando, o Luiz está na faculdade, eu tenho uma empresa em São Paulo. Já combinamos dele ir para lá e eu voltarei para visita-lo outras vezes”, finalizou.

A Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Ponta Grossa informou que sempre responde as mensagens que recebe no Instagram, por mais inusitadas que sejam. Além disso, enfatizou que os funcionários não podem acessar os registros para esse tipo de busca e, mesmo se pudessem, não teriam como saber de quem se tratava apenas com as informações passadas por Amanda. Mesmo sem poder ajudar diretamente, o sucesso da busca da jovem paulistana foi muito comemorado na Prefeitura, que respondeu mais uma mensagem de Amanda, fazendo referência ao FBI e à série You, da Netflix.

Confusão

O caso viralizou tanto que acabou causando briga até em outros casais. O Gabriel Garcia, por exemplo, contou que sua namorada ficou desconfiada, já que ele também usa bigode. Ele até mudou seu nome no Twitter para “Não sou o Bigodinho”.

Com informações: RIC Mais.

PUBLICIDADE

Recomendados