PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Professores da UEPG lançam livro sobre ensino de história

Ponta Grossa

27 de outubro de 2021 16:40

Da Redação


Relacionadas

Pacaembu inicia assinatura de contratos do Residencial Bem Viver

Caminhão baú arranca fiação telefônica e interdita rua de PG

Pró-Arte traz universo de Harry Potter para o ballet

Dono de oficina de PG apanha e ainda é preso pela PM
Obras da ciclofaixa na PR-513 estão em fase final
Executivo de PG quer aumentar valores de taxas
Empresa arrecada brinquedos e doações para crianças autistas
A obra é resultado do que foi produzido em 2020, no Seminário Nacional Ciclo de Debates BNCC de História Foto: Jessica Natal
PUBLICIDADE

A obra está com acesso gratuito no site da Editora

Professores do Departamento de História, da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), lançaram na última semana o livro ‘BNCC de História nos estados: o futuro do presente’. O livro foi organizado pelos professores da UEPG Angela Ribeiro Ferreira e Paulo Eduardo Dias de Mello, em parceria com professores da Unifesp, Uefs, e Unifal.

A obra é resultado do que foi produzido em 2020, no Seminário Nacional Ciclo de Debates BNCC de História, que contou com a participação de docentes de todos os estados do Brasil, e foi organizado pelos professores da UEPG. A BNCC é a Base Nacional Comum Curricular, a qual estabelece normas de ensino para instituições de ensino públicas e privadas. O evento discutiu desafios e características dessa norma. A professora Angela destaca que o elemento fundamental para o intercâmbio de conhecimento entre as Universidades foram as atividades de coordenação e participação durante o evento de 2020. “O grupo de pesquisadores e organizadores se dedicou ao debate e reflexão, com 27 outros pesquisadores nacionais, de cada um dos documentos curriculares elaborados pelas secretarias de estado da educação de cada unidade da federação, a partir do documento de referencia nacional”, explica.

“O livro faz uma verdadeira tomografia dos documentos, revelando suas contradições e limites, investigando também os processos de elaboração e implementação curricular”, ressalta Paulo Eduardo. O professor conta que o estudo revelou resistências, negociações e adesões das redes de ensino às propostas vindas da BNCC. “A atividade revelou a potência dos encontros de pesquisadores de diferentes instituições de ensino superior. O livro apresenta um olhar plural, agudo e crítico aos documentos e processos em curso no país. Com certeza, faremos outros!”, finaliza.

A obra está com acesso gratuito no site da Editora. Os vídeos das mesas de debate sobre o tema do livro estão disponíveis no link.

PUBLICIDADE

Recomendados