PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Novo presídio de Ponta Grossa terá 752 vagas

Ponta Grossa

17 de janeiro de 2022 18:17

Da Redação


Relacionadas

Acidente deixa três pessoas feridas no Jardim Carvalho

Olinda lança centro de formação de atletas em PG

Homem cai em valeta, quebra pescoço e morre

Feirão do Imposto cedeu 102 vouchers de gasolina a R$ 5
UEPG terá o primeiro IML universitário do país
Carro destrói poste em frente ao Palladium
Aneel mantém bandeira tarifária verde para junho
O investimento na estrutura, que está em fase final de construção, é de mais de R$ 20 milhões Foto: AEN
PUBLICIDADE

Obras estão 90% executadas e o investimento passa de R$ 20 milhões em recursos do governo federal e do Governo do Estado

O secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, esteve no canteiro de obras da Cadeia Pública de Ponta Grossa nesta segunda-feira (17) para verificar o andamento dos trabalhos. O investimento na estrutura, que está em fase final de construção, é de mais de R$ 20 milhões, sendo 90% custeados pelo governo federal e 10% pelo Governo do Estado. Serão 752 novas vagas para o sistema prisional dos Campos Gerais.

Ao percorrer as salas, celas e espaços de convivência, o secretário Marinho, acompanhado pelo chefe de Engenharia e Arquitetura da Sesp, tenente-coronel Ivan Fernandes, salientou que a obra vai mudar o panorama do sistema prisional da região. As obras estão 90% executadas.

“Temos algumas obras para serem entregues neste primeiro semestre, resultado de um trabalho de planejamento iniciado quando assumimos a gestão da Secretaria, e que teve apoio do nosso governador Ratinho Júnior com recursos e melhorias”, disse Marinho.

A visita também foi acompanhada pelo vice-prefeito da cidade, capitão Saulo Vinicius Hladyszwski, que agradeceu o empenho do governo estadual para agilizar a entrega da obra e melhorar a estrutura Departamento de Polícia Penal em Ponta Grossa. “Temos vários desafios pela frente, mas sabemos que vamos vencer com a plena certeza que graças a esse trabalho conjunto entre a prefeitura e a Secretaria da Segurança estamos fazendo tudo isso acontecer”, destacou. 

O coordenador regional de Polícia Penal, Maurício Ferracini, acredita que com a entrega da unidade a instituição iniciará uma nova era. “Isso vai impactar na gestão e movimentação carcerária de toda a região dos Campos Gerais, fornecendo maior segurança à população, prestando um tratamento penal adequado, um dos principais objetivos da Polícia Penal”, salienta. 

PRESENÇAS – Participaram da visita o diretor da Penitenciária Estadual de Ponta Grossa, Fabiano Rodrigues dos Santos; o diretor da Unidade de Segurança da Penitenciária Estadual de Ponta Grossa, Bruno José Propst; o chefe das Cadeias Públicas da 2ª Regional de Ponta Grossa, Robilan Andrey Ribeiro; a secretária municipal de Segurança Pública, delegada Tânia Sviercoski.

 

 

PUBLICIDADE

Recomendados