PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Prefeitura de PG realiza curso em parceria com a Ambev

Ponta Grossa

26 de janeiro de 2022 14:25

Rodolpho Bowens


Relacionadas

Corpos sob viaduto e homicídio marcam a sexta em PG

Prefeitura realiza evento sobre saúde mental

Casos da covid-19 dobram e ligam alerta em PG

La Belli Master Hall promove festa com diversas atrações nacionais
Prefeitura apresenta ‘Salve Celular’ no Regente Feijó
Estacho e Stocco garantem recursos para o Esporte de PG
FASPG realiza ação do CRAS no Ouro Verde
Ação envolve a Agência do Trabalhador de Ponta Grossa. Foto: Divulgação/PMPG.
PUBLICIDADE

Projeto de inclusão visa a dar oportunidade para pessoas em vulnerabilidade social

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa (PMPG), por meio da Agência do Trabalhador, em parceria com a Cervejaria Ambev, realiza no mês de fevereiro o Projeto Inclusão Social, que oferecerá gratuitamente um curso de operador de empilhadeira para pessoas em vulnerabilidade social, que terá a possibilidade de contratação posterior. Os interessados deverão comparecer na Agência do Trabalhador entre 27 de janeiro e 1º de fevereiro.

O Projeto de Inclusão Social visa a trazer para o mercado de trabalho as pessoas com vulnerabilidade social. Ele conta que a parceria acontece entre a Cervejaria Ambev, mas também com outras empresas de terceirização que prestam serviço para a empresa, bem como com uma escola de qualificação profissional.

O secretário municipal de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional (SMICQP), José Loureiro Neto, relata que no âmbito da Prefeitura, a iniciativa acontece por meio da SMICQP, pela Agência do Trabalhador, como também pela Secretaria Municipal da Família e Desenvolvimento Social, por meio do Centro de Referência em Assistência Social (Cras). “A ação será conjunta e o objetivo é selecionar um grupo de pessoas para a capacitação de operadores de empilhadeira, que após a conclusão do curso, passará por um treinamento dentro da Ambev e, aqueles que se destacarem, poderão ser contratados pelas empresas terceiras da Cervejaria (MACROMAQ)”, explica.

Nilton Gomes, diretor da Agência do Trabalhador, salienta que o projeto é destinado para pessoas em vulnerabilidade social e prioriza, ainda, a participação do público feminino, LGBTQIA+, afrodescendentes, e pessoas com deficiência. Além disso, ele comenta sobre as exigências para fazer o curso. “O projeto requer Ensino Fundamental completo, disponibilidade para fazer cursos, para continuar os estudos e Certidão Nacional de Habilitação (CNH) categoria B”, salienta o diretor.

Os candidatos passarão por um processo de seleção para o início do curso de Operador de Empilhadeira em uma escola de qualificação profissional e na sequência um treinamento dentro da Cervejaria Ambev, que terá condições de fazer a avaliação dos melhores candidatos para posterior contratação.

Os interessados deverão comparecer na Agência do Trabalhador entre os dias 27/01 e 01/02 das 8h às 16h, para um cadastro de vagas e aguardar o processo de escolha e seleção.

Com informações: Assessoria de Imprensa.

PUBLICIDADE

Recomendados