PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

UEPG lamenta falecimento da servidora aposentada

Ponta Grossa

27 de janeiro de 2022 15:25

Da Redação


Relacionadas

Mulher é baleada em frente à residência em PG

ASPP oferta a melhor estrutura ao servidor público do PR

Observatório Astronômico da UEPG terá noite com as estrelas

Faciloc inaugura loja ofertando soluções ao construtor de PG
Agência oferta 500 vagas de emprego nesta segunda
Elizabeth e Ratinho anunciam pacote de obras em PG
PG alerta sobre golpe para usuários do Auxílio Brasil
PUBLICIDADE

Juracy Camargo Capri, ex-técnica  de biblioteca faleceu aos 97 anos

A Dona Jura conhecia a Biblioteca da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) como ninguém. Desde 1983, quando começou a trabalhar na Universidade como técnica em biblioteca, até se aposentar, em 1994, ela se dedicou aos livros e a atender com carinho e competência os estudantes. Na última quarta-feira (19), Juracy Camargo Capri faleceu, aos 97 anos.

A bibliotecária Maria Luzia Santos, que trabalhou com Juracy na Biblioteca Central Faris Michaele (Bicen), conta que Dona Jura era uma pessoa muito culta – uma enciclopédia ambulante. “Tinha um amplo conhecimento, sempre pesquisava assuntos para saber mais ou complementar uma resposta”, lembra. A curiosidade e a dedicação a tornaram uma das mais eficazes conhecedoras do acervo da Biblioteca. “Muitas vezes já ia direto na estante localizar o livro quando atendia um aluno”.

Por muitos anos, Isis Terezinha Rocha teve a companhia de Dona Jura no trabalho cotidiano. “Uma pessoa ímpar. Alegre, jovial, sempre muito prestativa”, descreveu. “Conhecia a biblioteca (autores, títulos, assuntos) como a palma de sua mão. Muitas gerações de acadêmicos tiveram sua ajuda nas pesquisas”. Por isso, é com carinho que as “amigas do sonho”, um grupo de servidoras aposentadas da Biblioteca que mantêm contato até hoje, lembram da companhia de tantos anos de trabalho.

Pelas manhãs, chegava alegre e brincalhona ao trabalho. “Deixou ótimas lembranças em todos, pela sua alegria e disposição”, recorda Maria Etelvina Madalozzo Ramos Wosiacki, que coordenou a Bicen. “Foi uma funcionária exemplar, sempre incansável e interessada em auxiliar os alunos e professores, na busca de assuntos para seus trabalhos, ótima colega de trabalho, ensinando a todos o trabalho executado de maneira eficaz e eficiente”.

“D. Juracy era uma pessoa exemplar”, resume Silvana do Rocio Prestes. Antes de trabalhar nas faculdades que formaram a UEPG, iniciou a carreira no Colégio Regente Feijó, como contava às companheiras de trabalho. “Sempre disponível em ajudar os alunos e professores na busca de assuntos para seus trabalhos! Deixou ótimas lembranças conosco, pela sua alegria e disposição”.

A dedicação à UEPG é de família. O único filho, Clayton Camargo Capri, também passou grande parte da vida trabalhando na Universidade. Atuou na Divisão Acadêmica da Pró-reitoria de Graduação (Prograd) até se aposentar, em 2015.

Dona Jura foi sepultada no Cemitério Santo Antônio, em Ponta Grossa, em 20 de janeiro de 2022. As quase dez décadas de vida, algumas das quais foram dedicadas à Universidade, deixam lembranças mais que especiais: um trabalho eficiente, sempre acompanhado da alegria e a disposição em ajudar.

PUBLICIDADE

Recomendados