PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Aeroporto terá mais obras de melhoria e conservação

Ponta Grossa

17 de maio de 2022 18:32

Fernando Rogala


Siga o a rede no Google News

Relacionadas

Morte de engenheira da Prefeitura de PG causa comoção

PG amplia investimentos na área de educação

Nova turma do Programa ‘Decola’ inicia na quinta-feira

Morre rapaz que foi alvejado por tiros em avenida de PG
Acuidar PG é referência no cuidado em domicílio
Arraiá do Colégio Alfa arrecada doações para entidades de PG
Saúde fará mutirão de vacinação nesta semana em PG
Pintura existente foi realizada há quase 4 anos, concluída em agosto de 2018 Foto: Arquivo JM
PUBLICIDADE

Investimentos serão aplicados em muros, para deixar o local 100% cercado, e na pintura da pista, que está gasta


O aeroporto de Ponta Grossa (Comandante Antônio Amilton Beraldo) está recebendo mais um investimento para a conservação e melhoria de sua infraestrutura. Na edição desta segunda-feira (16) do Diário Oficial do Município, foram publicados os resultados de dois pregões, com investimentos do município, que somados atingem R$ 329 mil, em muro e pintura da pista. O pregão para a pintura da pista do aeroporto Sant’Ana foi vencido pela empresa GP, que cumprirá o serviço especializado por R$ 83,5 mil, ao passo que o muro teve como vencedora a empresa WMJ licitações, cujo valor proposto foi de R$ 245,5 mil.

No caso da pintura da pista, o superintendente do Aeroporto, Victor Hugo Oliveira, esclarece que se trata de uma manutenção de rotina. Oliveira explica que não há uma obrigação de repintura das faixas dentro de um período específico, mas há a necessidade que todas as linhas estejam adequadas para a aviação. “É preciso que tudo esteja visível para os pilotos, e a pintura da nossa pista já está ficando gasta”, informou. Segundo ele, a última pintura foi realizada após as obras de ‘recape’ de asfalto da pista, concluídas em agosto de 2018. A meta, explica Oliveira, é que a empresa faça as obras em horários alternativos, de modo que não interfira no tráfego aéreo e não haja a necessidade de suspender os voos comerciais da Azul.

Já no caso do muro, será a fabricação, fornecimento e instalação de um muro pré-fabricado com 2,4 metros de altura por 300 metros de extensão, com concertina (espécie de arame farpado, colocado sobre o muro) em toda a sua extensão. Essa metragem será colocada paralela à pista no lado da cabeceira 08, na área de uma chácara que foi desapropriada, para que o aeroporto obtenha a classificação 3C, com 150 metros de margem de segurança lateral a partir da pista. “A ideia é que, com esse muro, possamos fechar 100% do aeroporto. Isso muda o patamar de segurança do aeroporto, porque praticamente anula a probabilidade de se ter uma intervenção de pessoa ou animal na pista”, informa o superintendente aeroportuário.


Local recebe mais R$ 36,47 milhões em infraestrutura

Além desses investimentos, o local receberá mais R$ 36,4 milhões em investimentos dentro dos próximos meses. Esse valor será aplicado tanto na via de acesso ao aeroporto (rua Mathias Grani), quanto no próprio aeroporto, para melhorias de sua infraestrutura. No caso da via de acesso, a empresa Zabel venceu a licitação, para realizar as obras pelo valor de R$ 2,604 milhões, com previsão de conclusão ainda neste ano – o término de contrato é em janeiro de 2023. Já o restante, os R$ 33,87 milhões, serão aplicados pelo consórcio Rac/Kokot/RAAA, com recursos do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC), para a construção de um novo terminal de passageiros, novo estacionamento, nova taxiway e a ampliação do pátio das aeronaves (a metragem da pista não será aumentada). O prazo de conclusão das obras é setembro de 2023.

PUBLICIDADE

Recomendados