PUBLICIDADE

Nossa Senhora da Saúde de PG promove festa e quermesse

Celebrações serão realizadas todas as noites, com reflexões abordando os diversos aspectos da sinodalidade, e também com bênçãos

Paróquia Nossa Senhora da Saúde, no Jardim América, em Ponta Grossa, promoverá celebrações
Paróquia Nossa Senhora da Saúde, no Jardim América, em Ponta Grossa, promoverá celebrações -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Celebrações serão realizadas todas as noites, com reflexões abordando os diversos aspectos da sinodalidade, e também com bênçãos

     A festa em honra a Nossa Senhora da Saúde que, tradicionalmente, acontece no primeiro domingo de maio, este ano será mais longa e com as típicas características dos festejos de padroeiros: missa e quermesse. Entre sexta-feira (20) e 29 de maio, a Paróquia Nossa Senhora da Saúde, no Jardim América, em Ponta Grossa, promoverá celebrações todas as noites, com reflexões abordando os diversos aspectos da sinodalidade, e também com bênçãos. Padres de paróquias integrantes do Setor 2 – a que pertence a comunidade – ao lado de outros sacerdotes convidados estarão celebrando nesses nove dias.   

     “Como este ano o dia da festa ficou muito próximo da celebração da Páscoa, mudamos para o último domingo de maio. No dia 1º de maio, nós iniciamos aqui na paróquia a peregrinação de Nossa Senhora. Ela visitou as famílias, os condomínios. Amanhã, dia 20, a imagem retorna para a igreja para que seja iniciado o novenário em honra à padroeira. Estamos procurando realizar uma festa diferente, não somente social, mas uma festa religiosa, com novenas durante nove noites, com a participação das paróquias do Setor e padres de fora, que virão celebrar conosco. Após as celebrações teremos barracas de comida e música ao vivo. É um momento de promover a fraternidade entre as famílias. A festa da padroeira deve ser esse momento de encontro, de unidade, de crescimento espiritual e na dimensão humana, fraterna”, justifica o vigário, padre Gerisvan Pinheiro.

     De acordo com padre Gerisvan, a festa da padroeira um pouco diferente quer comemorar também a volta dos paroquianos. “Após dois anos de pandemia, estamos cada vez mais procurando trazer os nossos paroquianos, e um tempo favorável, é a festa da padroeira. Tempo propício para que as pessoas voltem e celebrem Nossa Senhora”, argumenta o vigário. Na primeira noite, nesta sexta-feira, a reflexão junto à missa de abertura, às 19h30, será ‘Sinodalidade e escuta: abertura para a participação no planejamento e ações pastorais’. Haverá hasteamento da bandeira com apresentação da Banda do Colégio Marista. Será dada bênção aos integrantes de pastorais e movimentos. As barracas venderão cachorro quente e doces.

     No sábado, a celebração será às 19 horas, com padre Glauco de Camargo Pinto, pároco da Paróquia São Judas Tadeu de Ponta Grossa, assessor espiritual da Pastoral Familiar. O tema a ser refletido é ‘Sinodalidade e Iniciação à Vida Cristã: caminhar juntos para uma catequese animada pela Sagrada Escritura’. A bênção será dos crucifixos. Na quermesse, pizza e doces. No domingo, também às 19 horas, a celebração ficará a cargo da Paróquia Nossa Senhora de Fátima. A reflexão proposta será sobre ‘Sinodalidade e Iniciação à Vida Cristã: caminhar juntos em direção a uma catequese cujo o centro é Jesus Cristo’. Serão abençoados jovens e crianças. Nas barracas, tortas doces e salgadas.

     Já na segunda-feira, missa e novena ocorrerá às 19h30. O tema para a reflexão, ‘Sinodalidade e Iniciação à Vida Cristã: caminhar juntos rumo a uma catequese que celebra a fé’, será conduzida por padre Gilberto de Andrade Torquato, da Paróquia Nossa Senhora do Monte Claro. Será dada bênção aos rosários. Haverá venda de cachorro quente e doces. Na terça-feira, também às 19h30, a celebração será seguida de reflexão sobre ’Sinodalidade e família, juntos sendo uma igreja doméstica, que reza e escuta a Palavra de Deus’. A paróquia responsável será a Espírito Santo. Acontecerá bênção às famílias. Na quermesse, sopas e doces. Na quarta-feira, a reflexão terá como tema ‘Sinodalidade e família: caminhamos juntos como Igreja que se santifica em comunidade’. A missa será celebrada pelo padre Evandro Luis Braun, da Paróquia Santa Rita de Cássia, às 19h30. Haverá bênção das bíblias. As barracas venderão x-galinha e doces.

     A sétima noite do novenário, dia 26, terá missa às 19h30, a cargo de padres da Paróquia Santa Teresinha, com bênção a doentes e idosos. A venda será de sopas e doces. No dia 27, às 19h30, missa, novena e reflexão a respeito da ‘Sinodalidade e dízimo: gesto de quem tem fé e se compromete com a evangelização por meio da partilha’. A celebração estará a cargo da Paróquia São Cristóvão. Terá bênção a imagens de santos. Na quermesse, espetinho e doces. No sábado (28), já às 19 horas, o tema a ser refletido será ‘Sinodalidade e compaixão: uma igreja samaritana, que acolhe e serve aqueles que necessitam’. Padre Carlo Battistoni vai presidir a celebração, que contará com a coroação de Nossa Senhora. As barracas venderão risoto e pedaços do bolo de Nossa Senhora.

     No domingo, a festa começa com o ofício a Nossa Senhora, às 7h30, seguida de missa, às 10 horas, carreata, às 17 horas, e, missa solene, às 19 horas, com a participação da Banda Arautos do Evangelho. Na quermesse, pastel, cachorro quente, pizza, bolo, x-galinha, doces, quentão e chocolate quente.

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE