PG lança nova rota de cicloturismo no domingo

'Circuito das Nascentes' tem 25 km em estradas rurais e passa até por dentro de um trecho rasinho do Rio Tibagi. Percurso segue da BR 376 até Itaiacoca, onde se encontra com a Ciclofaixa Estelio Viatroski, somando 47,6 Km de roteiro

O percurso passa por 25 quilômetros de estradas rurais e foi idealizado para os amantes do pedal, cruzando áreas de matas, rios, fazendas e lavouras
O percurso passa por 25 quilômetros de estradas rurais e foi idealizado para os amantes do pedal, cruzando áreas de matas, rios, fazendas e lavouras -

Da Redação

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

'Circuito das Nascentes' tem 25 km em estradas rurais e passa até por dentro de um trecho rasinho do Rio Tibagi. Percurso segue da BR 376 até Itaiacoca, onde se encontra com a Ciclofaixa Estelio Viatroski, somando 47,6 Km de roteiro


Seguindo pela BR 376, Km 529, próximo da ponte sobre o Rio Tibagi (sentido Curitiba), uma placa indica o mais novo roteiro do cicloturismo em Ponta Grossa, Paraná. É o Circuito das Nascentes, que será inaugurado neste domingo (03), ligando este ponto até o distrito de Itaiacoca, na localidade do Passo do Pupo, em trecho totalmente sinalizado pela Prefeitura. A concentração será às 8h30, com saída às 9 horas da localidade de Cambijuzinho.
O percurso passa por 25 quilômetros de estradas rurais e foi idealizado para os amantes do pedal, cruzando áreas de matas, rios, fazendas e lavouras - inclusive é possível atravessar um trecho rasinho do Rio Tibagi, perto de sua nascente. Todo o trecho recebeu 60 placas de sinalização para que seja autoguiado. Ao longo do caminho os ciclistas podem ter acesso a belezas escondidas como a cachoeira do Perau e também outras conhecidas, como a Cachoeira Mariquinha, podendo apreciar a mata e - quem sabe - os animais silvestres da região. Na outra ponta a nova estrada cicloturística se encontra com a ciclofaixa Estélio Viatroski, ligando Itaiacoca e Uvaranas, somando 47,6 km de ciclovias.
A prefeita Elizabeth Schmidt considera que o novo trecho traz novas perspectivas para o cicloturismo dos Campos Gerais. "Estamos entregando para a população um roteiro planejado, que gera grandes oportunidades para empreendedores do esporte, do lazer e do turismo, para atletas e também para a população que busca diversão, aventura e qualidade de vida, aproveitando as nossas belezas naturais. Este é um compromisso que tínhamos e que estamos desenvolvendo, sendo esta uma consolidação muito importante", analisa a prefeita.
"O circuito vem se juntar com a ciclorrota de Itaiacoca, inaugurada domingo passado, e faz parte do plano de desenvolvimento que estamos construindo para a região", conta o secretário de Turismo, Paulo Stachowiak. "O poder público está fazendo a sua função, que é fomentar, criar condições para que o turismo se desenvolva, e temos empreendedores investindo para aproveitar as novas oportunidades. Muito mais virá", avalia o secretário.

Passeio
O passeio é totalmente gratuito e ocorre pela primeira vez após a instalação das placas de sinalização. Não há limite de participantes e não precisa fazer inscrição, bastando chegar ao ponto de encontro no horário indicado para sair junto com o grupo. A indicação é de que os ciclistas possuam alguma experiência para o trajeto completo, porém é uma boa oportunidade para conhecer a rota, contando com o acompanhamento do grupo.
Alessandro Lozza de Moraes, relações públicas da Secretaria de Administração e entusiasta do projeto, conta que a Prefeitura planificou o trajeto rural para oferecer um circuito acessível e dar visibilidade ao turismo. "Temos um Circuito de exatamente 25 quilômetros de padrão moderado para ciclistas que já tem um certo costume da prática, não precisando ser um profissional. O ciclista pode vagarosamente observar a natureza e contemplar o que podemos proporcionar de mais lindo em Ponta Grossa", avalia Moraes.

Patrocínio
A consolidação do roteiro cicloturístico conta com a parceria da rede Condor de Supermercados, que viabilizou a instalação das placas instaladas no percurso. “Estamos em Ponta Grossa desde 1992 e não poderíamos ficar de fora de um evento como esse, que promove o esporte e ao mesmo tempo valoriza as belezas naturais da região”, destaca o superintendente do Condor, Wanclei Said.

Como chegar
O passeio de lançamento será na localidade Cambijuzinho, próxima da ponte sobre o Rio Tibagi na BR 376, entre Ponta Grossa e Curitiba. O ponto de entrada está entre os KMs 529 e 530, na pista Norte (sentido Ponta Grossa). Partindo de Ponta Grossa, logo após o Posto Tibagi, deve-se fazer o retorno neste local - a entrada está sinalizada.