PUBLICIDADE

Polícia Civil investiga morte de idoso em PG como latrocínio

Linha inicial de investigações se baseia nas evidência encontradas pelas equipes policiais que estiveram no local

O idoso foi identificado como Celso Oliveira. Ele morava sozinho.
O idoso foi identificado como Celso Oliveira. Ele morava sozinho. -

Sebastião Neto

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

A Polícia Civil de Ponta Grossa confirmou que já está investigando a morte de Celso Oliveira, de 72 anos, registrada no início da tarde desta terça-feira (22) na região do Parque dos Sabiás, em Uvaranas. Segundo a Polícia Civil, a linha de investigação inicial será de latrocínio (roubo seguido de morte), já que quando a Polícia Militar (PM) o Instituto Médico Legal (IML) chegaram ao local a residência estava revirada e foi confirmado o roubo de alguns pertences de Celso.

Ainda de acordo com as análises preliminares realizadas pela perícia, o idoso teria sido agredido até a morte, uma vez que não foram encontrados sinais arma branca ou arma de fogo.

Detalhes do caso

A Polícia Militar foi acionada por vizinhos da vítima. Por volta das 11h30, populares notaram que o portão da frente e a porta de entrada da casa de Celso estavam abertas e o carro não estava na garagem. Algumas pessoas tentaram ligar para o celular dele, mas não obtiveram retorno. Outros relatos apotam que moradores teriam escutado gritos durante a noite.

Quando a Polícia Militar chegou, encontrou o corpo do idoso no interior da residência, na cozinha. Em seguida, equipes da Criminalística começaram a averiguar a cena do crime. Como não houve sinal de arrombamento na casa, as autoridades trabalham com a hipótese do autor do homicídio ser alguém próximo à vítima. O carro também não foi encontrado.

Com informações de Allyson Santos

PUBLICIDADE

Conteúdo de marca

Quero divulgar right

PUBLICIDADE