Funções do dinheiro trazem ampla dinâmica em Tibagi

Vamos Ler

11 de abril de 2019 15:40

Dhiego Tchmolo

  • Comentários
    0 compartilhados
  • Imprimir

Relacionadas

Entrevistas e campanha marcam Páscoa em Castro

Elo Sagrado traz práticas cristãs em ações de Páscoa

Alunos do Infantil IV atuam como cientistas em Carambeí

JM e Vamos Ler enfatizam projeto em Jaguariaíva
Escola em PG tem ampla comemoração de Páscoa
Escola de PG tem ampla comemoração de Páscoa
‘Sacola alfabeteria’ estimula alfabetização em Carambeí
PUBLICIDADE

Estudantes do 2ºC da Escola São Bento puderam aprender, manusear e até negociar artesanatos dentro do ‘Projeto Sistema Monetário’. Aluna registrou aula em vídeo

Denominado ‘Projeto Sistema Monetário’, o 2ºC da Escola Municipal São Bento, em Tibagi, pôde desenvolver um amplo trabalho acerca da temática. O trabalho foi conduzido pela professora da turma Maria Luiza Martins de Freitas, que destacou como foram as ações e os ganhos para os estudantes.

“O projeto teve início com uma conversa sobre a importância de se estudar bastante, se esforçar cada vez mais para quando se formar, ser contratado em uma empresa e manter um bom trabalho. Assim, o funcionário só vai subindo de cargo e vai ganhar mais dinheiro do aquele que não quis estudar”, comenta a docente.

Assim, as atividades seguiram demonstrando aos alunos cédulas da moeda Real. “Para tanto, foi feito um estudo para que os estudantes conhecessem melhor o dinheirinho de brincadeira. Eles se motivaram e também se interessaram em aprender a contar dinheiro. Um ensinava o outro: o valor das moedas e notas”, aponta Maria Luiza.

O trabalho possibilitou que muitos alunos conseguissem calcular o valor através dos dedos, obtendo um resultado expressivo na leitura e contagem das cédulas. “Desenvolvemos também algumas situações problema, onde os valores do dinheiro foram aparecendo para que a turma utilizasse os conhecimentos adquiridos para resolvê-los”, elenca a professora.

Artesanato e venda

Para fixar ainda mais os conteúdos, os alunos buscaram confeccionar objetos de artesanato e comercializar uns com os outros, “pois estavam muito emocionados de ter a oportunidade de brincar com o dinheiro e aprender contar valores”, conforme explica Maria Luiza. Uma estrela guia, utilizando diversos materiais, foi a escolha para continuar a dinâmica.

“As alunas Vitória, Julia, Paula e Tainá tiveram a ideia de confeccionar um porta-retrato com papelão e folhas de revistas velhas para colocar a foto da turma com a professora. Assim que terminamos os trabalhinhos confeccionados pela professora e o grupo de alunos, surgiu a ideia pelos alunos de um ser o representante dos objetos confeccionados e fazer a demonstração do que foi usado e vender para poder arrecar mais dinheiro”, completa a docente.

Assim, o estudante Davi fez a apresentação, com José Miguel interessando em comprar a estrela como presente para a sua mãe. Houve o registro em fotos do trabalho em grupo, registrando o dinheiro utilizado durante o trabalho - as filmagens ficaram responsáveis pela colega Eloá, que ajudou a complementar a atividade.

“O trabalho realizado foi de grande interesse para as crianças, pois se sentiram muito motivados e até foram escrever os valores no quadro-negro. Desenvolveram as atividades sem encontrar dificuldades e aprenderam a se relacionar com os coleguinhas de uma maneira mais agradável. O presente projeto foi de suma importância, pois ajudou a serem criativos e terem um bom raciocínio lógico”, conclui Maria Luiza.

Confira a atividade completa no blog escolar da Escola São Bento. Clique aqui.

PUBLICIDADE
IVC Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização
aRede aRede
aRede
aRede