PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Cartas aproximam professora e aluno em 5º ano de Ipiranga

Vamos Ler

04 de agosto de 2021 18:20

Dhiego Tchmolo


Relacionadas

Aula em Castro sobre 'Dia da Árvore' explora as araucárias

Alunos de Irati coletam resíduos em ação de combate à dengue

Combate às drogas é tema de conscientização em Jaguariaíva

Roda de debate em Fernandes Pinheiro aborda a pobreza
'Dia da Árvore' tem mudas para plantio de alunos em Ipiranga
Trabalho em Jaguariaíva alerta para relevância da saúde bucal
Alunos de Jaguariaíva estudam e debatem sobre queimadas
PUBLICIDADE

Docente regente da turma da Escola Rural de São Braz explica importância dos educadores encontrarem mecanismos para o ensino das crianças na pandemia

Em época de pandemia, buscar soluções é mais do que necessário, principalmente para alunos que precisam trabalhar com atividades impressas. E, na Escola Rural Municipal de São Braz, na comunidade de mesmo em Ipiranga, a professora do 5º ano, Rita Josiane Gasparelo, encontrou uma forma bem tradicional de se comunicar com um de seus alunos: a carta.

“A escola busca a garantia da educação em tempos de pandemia de várias formas com alunos nas modalidades remota, híbrida e aulas impressas. A professora se comunica por carta com o aluno Robson Matheus Skolimowski, morador da localidade de Cerro Azul. Foi o único meio de comunicação encontrado pela escola e pelos pais para que Robson pudesse se apropriar das explicações dos conteúdos dia a dia, o que confirma a extrema necessidade dos docentes desenvolverem ações com intencionalidade pedagógica”, conta a educadora.

Segundo a docente, o pai do estudante, Paulo Sérgio Skolimowski, vai a cada diz até a escola conforme cronograma, entregando as atividades e retirando outras para o mesmo período. E é nesse encontro com o pai que Rita envia a carta para o aluno. Conforme explica a professora, em seus 29 anos de magistério, não imaginava ter esse recurso pedagógico para ensinar. Ainda, acrescenta que os objetivos estão sendo alcançados por Robson.

“A diretora da escola, Solange Cardoso, falou sobre a importância de articular o trabalho entre escola, família e o responsável pelo aluno através do diálogo virtual ou não. Destaca, ainda, que durante esse período histórico e diferente do habitual, entendemos que para atender às exigências e necessidades do cenário educacional durante a pandemia, todo o corpo docente da escola busca o conhecimento necessário, readequando a sua prática pedagógica, dando o melhor de si para que tudo o que foi posto em relação às leis, decretos e portarias fossem cumpridos – em especial ao tocante o direito à educação”, conclui Rita.

Acesse o blog escolar da Escola Rural de São Braz clicando aqui.

PUBLICIDADE

Recomendados