PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Videoaula leva conceitos sobre a fauna para 5º ano de Irati

Vamos Ler

14 de dezembro de 2021 18:20

Dhiego Tchmolo


Relacionadas

Alunos de Irati aprendem mais sobre a educação financeira

Natal desperta experiência de gratidão em Jaguariaíva

Importância da atividade física movimenta alunos em Irati

Tangram estimula raciocínio matemático em 5º ano de Irati
Consciência Negra é tema de aula em Fernandes Pinheiro
Trabalho em Irati aborda dados do Paraná após videoaula
Combate ao desmatamento marca aula em Jaguariaíva
PUBLICIDADE

Produção do Vamos Ler – Geração Digital foi amplamente debatida, estudada e levada para o aspecto local junto aos alunos da Escola Rural Esperança Carignano Chuilki

O 5º ano da Escola Rural Municipal Esperança Carignano Chuilki, em Irati, sob coordenação da professora Josnéia Aparecida, desenvolveu atividades através da videoaula do Vamos Ler – Geração Digital intitulada ‘Fauna: cuidado com os animais é indispensável para manter o equilíbrio natural’. Segundo a docente, o tema se refere ao conjunto de espécies e animais típicos de uma região, que vivem de acordo com condições ambientais e fatores climáticos existentes.

“A diversidade de espécies da fauna é muito importante para o equilíbrio do planeta e para a manutenção dos ecossistemas. Por isso, é fundamental que o homem concentre esforços na preservação da natureza. A conservação da fauna silvestre pode estar presente em diferentes contextos e espaços. Pois, conhecer e valorizar a fauna silvestre possibilita a aproximação e o interesse das pessoas em ações de conservação. O trabalho educativo pode – e deve – ir além do apresentar a fauna aos estudantes. Eles devem compreender a conexão entre seres humanos e a natureza”, aponta a educadora.

Outro ponto destacado por Josnéia é de ser essencial ir além do simples fato de conhecer os animais nativos, reconectando as pessoas aos outros seres, reconhecendo e sentindo que pertencem ao contexto da biodiversidade local – o que, basicamente, reforça a professora, mostra que estamos conectados e que a fauna silvestre, junto aos seres humanos é o que nos mantém vivos. Em sala de aula, através desse contexto, a docente realizou a conversa sobre o tema e destacou que, desde 1980, o Brasil celebra o Dia da Defesa da Fauna.

“Nessa conversa com os alunos, dei ênfase sobre a questão da caça predatória que infelizmente ainda acontece e sobre a extinção de algumas espécies de animais. Após, foi realizada uma listagem com os nomes de alguns animais e aves que encontramos em nossa região. Surgiram vários nomes e, em seguida, foi proposta aos alunos para que um fotografasse algum animal ou ave que observassem no ecossistema local e que faz parte de nossa fauna”, complementa a educadora.

Por fim, Josnéia cita que a atividade trouxe a constatação que a região de Guamirim, em Irati, pode se sentir privilegiada, “pois existe algumas espécies peculiares de animais, e isso aumenta a responsabilidade de toda comunidade em preservá-la, pois se cada pessoa tomar consciência da importância da fauna e da flora para a vida do nosso planeta, teremos um mundo melhor para nós e para as gerações futuras”, conclui a professora.

Pedagoga explica trabalho

Quem também explicou sobre o trabalho foi a pedagoga Verônica Barbosa Furmanowicz, que elenca a videoaula e sua explicação acerca da composição da fauna, além de esclarecer sobre a importância desta, da flora e do ecossistema equilibrado como um todo. O material ainda apresenta a biodiversidade do ecossistema brasileiro, referência no mundo, além da imensurável importância científica da fauna brasileira por ter a maior biodiversidade do planeta.

“A explicação sobre a composição da fauna da Mata Atlântica que cobra nossa região, e a importância de se cuidar da fauna, abordando aspectos como o controle biológico que pode gerar o desiquilíbrio de várias outras espécies instigou a curiosidade de nossos alunos, bem como a curiosidade sobre animais que fazem parte do ecossistema local. A partir da videoaula foi possível fazer um amplo debate e instigar nossos alunos a serem grandes protetores da nossa fauna", finaliza Verônica.

Acesse o blog escolar da Escola Rural Esperança Carignano Chuilki clicando aqui.

PUBLICIDADE

Recomendados