PLATAFORMAS


EDITORIAS


SEÇÕES


PROJETOS


INSTITUCIONAL

Estudo em Imbituva trata da Lei Áurea junto ao Vamos Ler

Vamos Ler

16 de maio de 2022 14:30

Dhiego Tchmolo


Relacionadas

Vamos Ler destaca 'matemática culinária' em aula de Reserva

Obra clássica leva aprendizado a alunos em Jaguariaíva

Turma de Ipiranga desenvolve dinâmica 'Gincana dos Verbos'

Noções ambientais refletem em amplo trabalho de Jaguariaíva
Educação ambiental engaja turma de Jaguariaíva
Secretário aponta conquistas na Educação de Piraí do Sul
Importância de aulas externas é tema de ação em Carambeí
PUBLICIDADE

‘Abolição da Escravatura’, que ocorreu em 13 de maio de 1888, foi tema de uma ampla atividade no 4º ano D da Escola São Miguel Arcanjo

A ‘Abolição da Escravatura’, que ocorreu no dia 13 de maio de 1888 – completando 134 anos na última sexta-feira – foi tema de um amplo trabalho no 4º ano D da Escola Municipal São Miguel Arcanjo, em Imbituva. A professora da turma, Adicléia Stadler, destaca os principais pontos do trabalho com os educandos.

“Abordei, no primeiro momento, a questão sobre o que os alunos lembravam ou sabiam sobre a abolição da escravatura, como era a vida dos escravos e, por fim, questionei se alguém lembrava o nome da pessoa que assinou a lei que libertou os escravos e em que dia, mês e ano”, aponta a docente.

Na sequência, a educadora passou um vídeo que falava e explicava sobre a abolição, com dados que a escravidão teve início no Brasil em 1535 e levou mais de 300 anos para “enfim acontecer, com a corajosa Princesa Isabel, que criou e assinou a Lei Áurea no dia 13 de maio de 1888”, conforme cita Adicléia.

Para complementar, a professora cita os perigos que os escravos que saíam da África enfrentavam, principalmente pelos ‘navios negreiros’, sendo levados para o trabalho em lavouras de café e fazendas de gado.

“Com o final da escravidão, eles tiveram que enfrentar o preconceito da sociedade, pois eles não tinham acesso à terra para produzir o que gostariam de plantar. A abolição da escravatura foi um marco muito importante na nossa história”, conclui a docente.

Acesse o blog escolar da Escola São Miguel Arcanjo clicando aqui

PUBLICIDADE

Recomendados