Aluno leva informações sobre abelha à colegas em Carambeí

Espécie mandaçaia foi tema central de aula no 5º ano B da Escola Professora Fátima Augusta Bosa; docente destaca série de informações e aprendizados com o assunto

VÍDEO
Espécie mandaçaia foi tema central de aula no 5º ano B da Escola Professora Fátima Augusta Bosa; docente destaca série de informações e aprendizados com o assunto | Autor: Dhiego Tchmolo

Dhiego Tchmolo

@Siga-me
Google Notícias facebook twitter twitter telegram whatsapp email

Espécie mandaçaia foi tema central de aula no 5º ano B da Escola Professora Fátima Augusta Bosa; docente destaca série de informações e aprendizados com o assunto

Um trabalho sobre abelhas engajou os alunos do 5º ano B da Escola Municipal Professora Fátima Augusta Bosa, em Carambeí. A professora da turma, Rosane de Jesus Rodrigues, comenta os principais aspectos do trabalho que foi realizado na semana passada, com atividades diversificadas.

“No momento em que estávamos estudando um texto sobre as abelhas, o aluno Samuel Moraes Gomes, interessou-se pelo assunto e comentou ter em sua casa uma colmeia com a abelha mandaçaia. No dia seguinte, após ter comentado em casa sobre o que aprendeu na escola, a mãe do aluno envio via WhatsApp imagens da abelha mandaçaia”, destaca a docente.

A educadora cita a grande empolgação dos colegas aos verem as imagens, buscando saber mais sobre o animal. Assim, Samuel buscou informações com o pai, que cuida da colmeia, para elaborar um relato aos colegas, lendo-o e esclarecendo as dúvidas. Rosane cita que a aula foi interessante, com não apenas os alunos aprendendo, mas ela também – como, por exemplo, a informação “que quando falta mel para a abelha se alimentar, é necessário fazer um xarope”.

“Sem falar no aluno Samuel, que sentiu-se importante sendo o protagonista. ‘No começo eu fiquei nervoso, mas como sabia que estava fazendo uma coisa importante, eu fiquei feliz de participar desse projeto e de poder contar para meus colegas um pouca da importância das abelhas’, falou Samuel. Quando a família e escola trabalham juntas, quem se beneficia são os alunos”, conclui a professora.

Acesse o blog escolar da Escola Fátima Augusta Bosa clicando aqui