Bolsonaro diz que pode escolher novo ministro hoje

Cotidiano

02 de julho de 2020 12:40

Da Redação


Relacionadas

Produção da indústria tem aumento de 5% em junho

Venda de tampinhas custeia fraldas

Produção industrial paranaense cresce 5,2% entre maio e junho

Madrugada terá maior pico de estrelas cadentes do ano
Transexual desaparecida é encontrada morta
PR faz acordo com Rússia para produzir vacina contra a covid
Safra deste ano deve ser 3,8% superior à de 2019, prevê IBGE
Ao receber uma demanda para o MEC, Bolsonaro disse que “deu problema” com o professor Carlos Decotelli, nomeado ministro do MEC por cinco dias Foto: Reprodução/Agência Brasil
PUBLICIDADE

Declaração foi feita para apoiadores na frente do Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (2) que a situação da educação brasileira está “horrível”. Em conversa com apoiadores, na saída do Palácio da Alvorada, pela manhã, Bolsonaro também disse que “talvez escolha hoje” o novo ministro da Educação. A pasta já trocou de comando três vezes desde o início do governo.

Ao receber uma demanda para o MEC, Bolsonaro disse que “deu problema” com o professor Carlos Decotelli, nomeado ministro do MEC por cinco dias, mas que não chegou a tomar posse após polêmicas sobre títulos acadêmicos. “Talvez eu escolha hoje o ministro da Educação”, afirmou Bolsonaro.

Ele também voltou a distorcer decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar passar a responsabilidade das decisões durante a pandemia aos governadores. A decisão, no entanto, assegura aos Estados e municípios autonomia para tomar medidas, mas não exime a União.

Informações Banda B e jornal O Estado de S. Paulo

PUBLICIDADE

Recomendados