Porto de Paranaguá recebe 24% mais caminhões em 2020

Cotidiano

16 de setembro de 2020 20:30

Agência Estadual de Notícias


Relacionadas

Resolução determina proteção de peixes nativos no Paraná

Paulo Eduardo Martins critica a politização da vacina

Procurador apresenta artigo em evento internacional

PL prevê parcelamento dos débitos do Simples Nacional
MEC divulga resultado prévio da avaliação de livros didáticos
Vitórias no STF geram economia de R$ 600 bilhões ao erário
Senador Chico Rodrigues pede licença por 90 dias
PUBLICIDADE

Em 2020, de janeiro a agosto, cerca de 350 mil caminhões passaram pelo porto de Paranaguá

De janeiro a agosto, cerca de 350 mil veículos passaram pelo porto paranaense. Caminhoneiros não pararam durante a pandemia e são responsáveis por 84% da movimentação de produtos que chegam ou saem do Paraná via portos.

Em 2020, de janeiro a agosto, cerca de 350 mil caminhões passaram pelo porto de Paranaguá. O número é 24% maior que nos primeiros oito meses de 2019, quando foram pouco mais de 293 mil veículos recebidos. Os caminhoneiros, que não pararam durante a pandemia de Covid-19, são responsáveis por 84% da movimentação de produtos que chegam ou saem pelo porto paranaense.

Nesta quarta-feira (16), é comemorado o Dia Nacional do Caminhoneiro. “Os motoristas são essenciais para a economia nacional, são eles que transportam riquezas, alimentos, medicamentos e insumos hospitalares. Na crise do coronavírus, esses profissionais mostraram, mais uma vez, a força da categoria”, destaca o diretor presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia.

Cuidado - Com a crise do coronavírus e a supersafra de soja, o trabalho dos caminhoneiros garantiu a manutenção das atividades portuárias e os recordes na exportação de grãos. Para dar segurança aos motoristas e suas famílias, o Governo do Estado montou uma estrutura de saúde e prevenção.

“Desde o dia 24 de março, todos os caminhoneiros e acompanhantes que chegam aos Portos do Paraná passam por uma triagem inicial, com medição de temperatura e atendimento médico 24 horas. O objetivo é que os motoristas possam trabalhar com tranquilidade, sabendo que sua saúde é prioridade”, conta Garcia.

Ao todo, 359.013 pessoas passaram pela estrutura. O Pátio de Triagem de Caminhões também recebeu pias para higienização das mãos, novos chuveiros, bebedouros, bandejas e tapetes higienizadores. Em conjunto com o Ministério da Saúde e Secretária Estadual de Saúde, foram disponibilizadas 5 mil doses de vacina contra gripe.

Alimentação – Durante os dias mais críticos da pandemia, a Portos do Paraná distribuiu 55 mil kits de alimentação aos motoristas. A ação foi uma forma de ajudar os caminhoneiros que enfrentavam dificuldades de encontrar restaurantes abertos nas estradas.

O caminhoneiro Eliézer Rodrigues, que veio de Ponta Grossa com carregamento de soja, se surpreendeu com a entrega. “É um cuidado importante. Com certeza, nos sentimos mais valorizados”, disse.

Parceria - Através do Sistema Sest/Senat, também foram distribuídos mais de 3.000 kits higiene. Empresas e sindicatos também realizaram ações para o público, com entrega de lanches e álcool em gel.

Recorde - Em abril, o Pátio de Triagem do Porto de Paranaguá chegou a receber 58.499 caminhões. Três mil veículos acima do recorde anterior, de 55.835, em março deste ano.

PUBLICIDADE

Recomendados